https://www.poetris.com/
Poemas : 

In Memoriam

 



A Eternidade,
minha mãe,
repousa
generosa e cintilante
no silêncio
etéreo e vigilante
dos teus olhos de avelã.





G.

 
Autor
Gilda.
Autor
 
Texto
Data
Leituras
179
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
6
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ALFA
Publicado: 02/05/2021 18:57  Atualizado: 02/05/2021 18:57
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2015
Localidade:
Mensagens: 1089
 Re: In Memoriam
Deste-nos a luz do mundo
Mais o teu querer infinito
Teu amor vive bem fundo
Em nosso coração escrito!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 03/05/2021 22:03  Atualizado: 03/05/2021 22:03
 Re: In Memoriam
olá, aqui há... nem imaginas a saudade que eu tinha de ler um poema. e aqui o género nem interessa. nem aqui nem em lado nenhum exceto... esquece. gostei tanto de ler este teu texto. mãe pai avó avô chocolate. seja... obrigado por este momento bom. bem, haja poesia. uma boa noite. e agora sim, está na hora da caminha eheh
tudo de bom


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 04/05/2021 18:51  Atualizado: 04/05/2021 18:51
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 17127
 Re: In Memoriam
Poetisa
Dizem que as mães deveriam ser eternas, mas quem disse que elas não são? Bela homenagem a sua mãe!
Abraço!
Janna