https://www.poetris.com/
Poemas : 

Água e silêncio

 


Sem significado. Uma folha de papel branca

ou cinzenta

uma sombra

e um labirinto de traços vazios. Como o poema.

Como este poema. Vazio.

Tudo trémulo. As mãos. Os olhos. A voz.

A água a atravessar o silêncio.

Depois da vidraça

a rua antiga é uma

memória cheia. Luz.

E o poema

vazio.

Disse-te sim filha vai

e sê feliz.

E tu foste.



G.

 
Autor
Gilda.
Autor
 
Texto
Data
Leituras
136
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Esqueci
Publicado: 04/05/2021 14:37  Atualizado: 04/05/2021 14:37
Da casa!
Usuário desde: 02/11/2019
Localidade:
Mensagens: 207
 Re: Água e silêncio
Nunca se sabe o que se pode encontrar pelo caminho, será que a felicidade está do outro lado do caminho. Um poema de esperança. Lindo poema, como sempre.
Beijo, Gilda :)


Enviado por Tópico
ALFA
Publicado: 04/05/2021 18:05  Atualizado: 04/05/2021 18:05
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2015
Localidade:
Mensagens: 1089
 Re: Água e silêncio
Tudo pode ser compatível
Mesmo não se esperando
Quando de alma disponível
Deixa o coração sonhando!