https://www.poetris.com/
Poemas : 

Pequena chama

 
Presumo que a maioria das vozes que ouço
Não venham dos anjos pelos quais eu chamo
Sequer das Estrelas das quais fecho os olhos e clamo
Não vem de um lugar iluminado tão pouco

Não estou dizendo que eles e as Estrelas não me ouvem
Que os Anjos não percebem quando chamo seus nomes
Creio que são os amigos mais próximos em sintonia que vem
Que me guiam por entre as letras e os versos que tiram minha fome

E sei disso cada vez que enxergo a chama eterna que vive em mim
Consigo vê-la posso ouvi-la sinto seu calor iluminando medo e escuridão
Ah eu reconheço esse perfume adocicado o aroma branco do jasmim
É assim que lá de cima falam comigo pela chama e pelos amigos de meu coração

Deus abençoe o que nos amam
Carlos Correa

 
Autor
Correa
Autor
 
Texto
Data
Leituras
52
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.