https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

O que eu penso

 
Tags:  Namastibet    Jorge Santos    O Transhumante  
 
O que eu penso
 










(em recolhimento temporário :)


Jorge Santos (dezembro 2022)



https://namastibet.wordpress.com
http://namastibetpoems.blogspot.com



 
Autor
Jorge Santos
 
Texto
Data
Leituras
298
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Valdevinoxis
Publicado: 08/12/2022 20:15  Atualizado: 08/12/2022 20:15
Administrador
Usuário desde: 27/10/2006
Localidade: Aguiar, Viana do Alentejo
Mensagens: 2055
 Re: O que eu penso
Agradou-me bastante todo o texto com uma exceção: a finalização, o último verso: "O sal o limos aos dentes". É certo que para quem é o autor, faz sentido mas, no meu caso, como leitor perdi-o e, confesso que ao reler, o dispensei. Pareceu-me mais um adorno do que uma parte do corpo. Atenção que não estou a dizer que deve ser alterado, antes digo que na minha leitura o dispensa.

O resultado da segunda leitura foi que gostei muito do texto, da forma fácil com que as palavras e frases sem encadeiam. Quase falam umas com as outras. Toda a construção é honesta, de grande fluidez e beleza.