https://www.poetris.com/
Poemas : 

Incompleto

 
Se eu virar pó, lancem-me ao vento!

Pois só ele me entende...

E ao luar atento, o vão tormento

há de esquecer-me na noite que se estende...



Oh cinzas do que fora um dia

um Ser, um quase-nada

vagando por essa estrada

tortuosa, incerta, vazia...



Obs.: Agora cabe a você terminá-lo, S. R. G.. "A vida imita a arte e a arte imita a vida"!


Eu tenho um Eu verdadeiro que só Aquela que eu procuro pode libertar! - ainda estou desenvolvendo essa teoria...

 
Autor
Rafael007
Autor
 
Texto
Data
Leituras
156
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
22 pontos
0
3
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.