https://www.poetris.com/

 
« 1 (2) 3 4 5 ... 36 »
Offline
rosafogo
necessidade de sonhar...
Aqui há cheiro a mar, cabelos ao vento o aveludado da noite a chegar e o desejo ardente e duradoi...
Enviado por rosafogo
em 18/04/2014 20:33:42
Offline
rosafogo
minha entrega à poesia
As lembranças são as mais belas flores da m'ha alma quando surge o desalento me dão coragem,...
Enviado por rosafogo
em 16/04/2014 15:46:27
Offline
rosafogo
alvoroço na lezíria
Para a amiga Nereida, poderá vê-lo no link colocado abaixo, pois não é novo no Luso, Também para ...
Enviado por rosafogo
em 15/04/2014 21:45:19
Offline
rosafogo
muros do esquecimento
Já não pousam os pássaros nesta árvore de ramos nus nem os sonhos têm encontro marcado neste peda...
Enviado por rosafogo
em 13/04/2014 16:41:19
Offline
rosafogo
se me entendesses...
A sair de mim teimam estas palavras que me atiçam e queimam deixo-as em versos, incertos, como a ...
Enviado por rosafogo
em 11/04/2014 20:16:50
Offline
rosafogo
Verso incompleto...
Neste verso incompleto confesso inteiramente, o meu pecado este desafecto à poesia deixando o ver...
Enviado por rosafogo
em 06/04/2014 18:47:07
Offline
rosafogo
Para quem escrevo?
Olho-me ao espelho e a interrogação fica na boca porquê esta pressa louca? Há sempre uma hora a m...
Enviado por rosafogo
em 03/04/2014 19:24:00
Offline
rosafogo
fogem meus dias...
perdi a vontade de rir gargalhadas deixei pelo caminho e os sonhos escritos em pergaminho que u...
Enviado por rosafogo
em 25/03/2014 20:42:36
Offline
rosafogo
Este é o poema...
Este é o poema onde tu me despes como se fosse tua, onde me sinto nua e crua. Da tua boca saem...
Enviado por rosafogo
em 17/03/2014 16:56:33
Offline
rosafogo
chorar por dentro...
Despedaça-se a madrugada cinzenta e silenciosa ouve-se o sino, depois a chuva prodigiosa à di...
Enviado por rosafogo
em 14/03/2014 11:30:46
Offline
rosafogo
De quantas maneiras te amo?
De quantas maneiras te amo? Olho o verde macio que ondeia à brisa caminho em busca de vida esque...
Enviado por rosafogo
em 11/03/2014 21:22:25
Offline
rosafogo
saudade onde me faço cais
Sou barca, vogando em maré-cheia sem destino neste monótono mar… Barca fantasma sem rumo ou ...
Enviado por rosafogo
em 09/03/2014 17:08:13
Offline
rosafogo
na serenidade da noite
Levamos séculos a aprender tantas coisas desta vida outros tantos a desaprender o que nos fere...
Enviado por rosafogo
em 07/03/2014 16:37:08
Offline
rosafogo
à mercê das horas...
Minhas mãos frias, na mente poemas com alguns dias as horas são-me indiferentes... Já caem à ...
Enviado por rosafogo
em 25/02/2014 14:41:59
Offline
rosafogo
poisam os dias em mim
A solidão é uma pedra no peito O tempo esse passou Ficou para trás em bocados feito Como água no ...
Enviado por rosafogo
em 21/02/2014 15:51:37
Offline
rosafogo
a minha força...
esta força que me tem é força que me sustenta se esta força me sustém dela a vida se alimenta s&...
Enviado por rosafogo
em 20/02/2014 11:32:06
Offline
rosafogo
Quero falar-te de amor
Quero falar-te de amor da longa viagem amadurecida aventurosa, fascinante, generosa, pouco a p...
Enviado por rosafogo
em 12/02/2014 20:37:26
Offline
rosafogo
força de querer...
Anda em mim a força da tempestade quem ousará querer parar-me? Sou corrente, comigo levo vontad...
Enviado por rosafogo
em 07/02/2014 20:50:11
Offline
rosafogo
Ironia...
Hoje perdi-me na fonte Longe, muito para lá de além Deixei-me a olhar o horizonte A ver o so...
Enviado por rosafogo
em 06/02/2014 13:13:28
Offline
rosafogo
cala-te ó vento...
Cala-te, cala-te ó vento deixa-me neste pesadelo que é meu destino de Poeta deixa-me o pensam...
Enviado por rosafogo
em 04/02/2014 23:41:27
« 1 (2) 3 4 5 ... 36 »