https://www.poetris.com/

 
« 1 2 (3) 4 5 6 7 »
Offline
fernandobarbosa
Um eco...num imenso vazio
Se não existir sentimento, toda a poesia é apenas letra morta...
Enviado por fernandobarbosa
em 07/08/2010 14:40:09
Offline
fernandobarbosa
Carta a uma amiga...
Querida e saudosa amiga: Fico imensamente grato por tão expressiva manifestação das palavras dit...
Enviado por fernandobarbosa
em 05/07/2010 00:17:49
Offline
fernandobarbosa
Sem ti vou partir também...
Ata-me mas sem receios, nesse teu viver fatal Leva-me mesmo vencido, irei sem regatear Nesse teu ...
Enviado por fernandobarbosa
em 24/04/2010 01:34:37
Offline
fernandobarbosa
Luso-Poemas...o cantinho dos poetas.
Canto meu, quanto eu te canto doce lar feito de encanto império dos meus sentidos… Ouves sempre o...
Enviado por fernandobarbosa
em 22/04/2010 23:23:04
Offline
fernandobarbosa
Uma espada de dois gumes...
Saltam mais do que os cabritos ainda mais que os carneiros pelos vales, montes e outeiros os víci...
Enviado por fernandobarbosa
em 18/04/2010 00:47:26
Offline
fernandobarbosa
Emoções tão desiguais...
Existe um tempo silenciosamente só meu emoções tão desiguais pelas quais protesto… sentenciado p...
Enviado por fernandobarbosa
em 11/04/2010 23:40:36
Offline
fernandobarbosa
O meu pensamento voou para ti...
Confesso-me... tenho imensas saudades de falar contigo um homem até pode vencer a solidão perdoa ...
Enviado por fernandobarbosa
em 20/03/2010 22:45:23
Offline
fernandobarbosa
porque ainda existimos...
A nossa vida dissipa-se na brevidade da nossa tão curta existênc~ia...
Enviado por fernandobarbosa
em 01/02/2010 06:53:18
Offline
fernandobarbosa
A razão da própria existência.
Assusta-me ser o homem que não sou...
Enviado por fernandobarbosa
em 28/01/2010 22:41:10
Offline
fernandobarbosa
Ano maravilhoso de bênçãos infinitas...
Um ano de paz e muita saúde Eu desejo a quem não esqueço jamais... O amor, a maior virtude Que c...
Enviado por fernandobarbosa
em 31/12/2009 11:15:51
Offline
fernandobarbosa
Memorial de recordações...
Porque voei sem asas para te prender Busquei na incerteza a leveza do teu ser Num contentamento m...
Enviado por fernandobarbosa
em 30/12/2009 00:28:51
Offline
fernandobarbosa
Quando ais...são desafios.
As palavras em aperto… um grito ou um lamento? Afinal os poetas empolgam-se enquanto estrelas ...
Enviado por fernandobarbosa
em 29/12/2009 23:08:13
Offline
fernandobarbosa
Natal, uma Luz no teu coração.
A poesia vai, a poesia vem, a poesia voa… e por ela o coração ecoa… A uma só voz, dentro de mi...
Enviado por fernandobarbosa
em 18/12/2009 11:46:21
Offline
fernandobarbosa
Serei sempre eu...quem venceu meus medos.
Crescemos com os erros desvendando segredos de uma vida incerta... Para além do tempo do descont...
Enviado por fernandobarbosa
em 15/12/2009 00:35:39
Offline
fernandobarbosa
Poeta solitário...
Poeta solitário à deriva pelo mundo entre as páginas do meu diário desperto de um sono profundo. ...
Enviado por fernandobarbosa
em 28/08/2009 13:06:42
Offline
fernandobarbosa
Viva e eficaz é a alma do poeta.
A alma de um poeta não morre jamais. Os seus ideias permanecerão na mais viva memória de quem o ...
Enviado por fernandobarbosa
em 01/08/2009 09:41:06
Offline
fernandobarbosa
Amizade, num sorriso novo...muito obrigada.
Esquecer-me-ia de agradecer? Jamais... Como é lindo ter amigos, sempre leais. Sentir a amizade e...
Enviado por fernandobarbosa
em 01/08/2009 01:55:20
Offline
fernandobarbosa
A vida em tons de cinza....
Entre as dunas, o mar um olhar parado…apagado um olhar triste e vazio num rodopiar de emoções per...
Enviado por fernandobarbosa
em 31/07/2009 00:43:03
Offline
fernandobarbosa
Uma escolha difícil...
Há males “menores”, que geram ainda males maiores. O desprezo não é solução, é uma química indes...
Enviado por fernandobarbosa
em 30/07/2009 19:03:21
Offline
fernandobarbosa
Vai-se o perfume das rosas...
Olhos altivos…corações vazios são piores que a traça nem a potassa os consegue destruir são como ...
Enviado por fernandobarbosa
em 24/07/2009 19:17:00
« 1 2 (3) 4 5 6 7 »