https://www.poetris.com/

 
(1) 2 »
Offline
Creep
Poema da ofensa
Sacomano vaga a chafurdar a dor alheia procurando vida como se fosse pão. Nogueira seca, com raiz...
Enviado por Creep
em 18/06/2022 15:52:36
Offline
Creep
Presságio
Está tão lindo dentro do quarto, a luz do sol na janela faz uma pintura colorida na parede, há um...
Enviado por Creep
em 16/06/2022 18:10:46
Offline
Creep
Apocalipse zumbi brasileiro
Marco do início do Apocalipse zumbi no Brasil 09/03 /2022 Neste dia tivemos noticiado para tod...
Enviado por Creep
em 27/03/2022 13:44:31
Offline
Creep
O último presidente agora é rei
É chegado o tempo do fim de tudo Os trilhos tortos e enferrujados E os barcos que vagam sem dest...
Enviado por Creep
em 02/07/2021 03:28:01
Offline
Creep
Eles dizem
Tudo certo mantenha a normalidade um pouco de tudo como sempre se todos marcham com a realidade...
Enviado por Creep
em 25/10/2020 03:47:41
Offline
Creep
Submundo
Minha alma ressecada me observa de longe, dançando entre folhas secas num rodamoinho de delírios,...
Enviado por Creep
em 11/11/2019 18:36:40
Offline
Creep
Tolo
Ele partiu sem dizer adeus com a certeza de nunca voltar e hoje busca entre folhas secas um camin...
Enviado por Creep
em 14/10/2019 04:45:40
Offline
Creep
Sinônimo de paixão
Paixões vão com o vento buscar portas abertas, mentes vazias ou cheias de perturbação, são como á...
Enviado por Creep
em 11/10/2019 02:35:06
Offline
Creep
Romeus e Julietas
Cultivando as dores de um passado vulgar com saudades de momentos promíscuos eles seguem… Tiram...
Enviado por Creep
em 09/10/2019 15:55:39
Offline
Creep
Sem casa
Expulsa da casa da minha alma, hoje moram lá dois sentimentos se revezam pra dormir, e enquanto ...
Enviado por Creep
em 29/03/2019 00:52:44
Offline
Creep
Poema para o fim
Sirvam se da taça de cólera que passa Agora nossos dias serão embriaguez Em fila esperem a ch...
Enviado por Creep
em 10/02/2019 03:12:33
Offline
Creep
Vulgar
O mundo ama os covardes Com seus medos e frivolidades O mundo faz bem sucedidos Aqueles que olha...
Enviado por Creep
em 09/02/2019 00:50:27
Offline
Creep
E agora José?
José cadê os outros do nosso tempo... cadê o outro zé e as portuguesas barraqueiras que não nos a...
Enviado por Creep
em 12/01/2019 01:08:49
Offline
Creep
Zero hora
Sensação estranha... eu sinto quando você me chama e sinto que você é meu Mesmo quando parece qu...
Enviado por Creep
em 12/01/2019 00:51:06
Offline
Creep
O fim
Quando tudo terminar, mesmo com tanto a fazer, vou deixar para trás coisas inacabadas mal resolvi...
Enviado por Creep
em 10/12/2018 23:46:18
Offline
Creep
Sonho antigo
Naquele dia fatídico em que caiu o véu pudemos ver o que estava somente no plano de uma outra dim...
Enviado por Creep
em 21/11/2018 01:48:59
Offline
Creep
Porcelana
Correr atrás do vento e se ocupar das coisas que parecem importantes até que toda sua vida passe....
Enviado por Creep
em 21/11/2018 01:00:38
Offline
Creep
Tanto faz
A impressão de que não se é interessante o suficiente, importante para ser relevante sempre acomp...
Enviado por Creep
em 18/11/2018 18:54:27
Offline
Creep
Antialienação
Minha alma perambula as vielas do meu ser, ela cata as guimbas de esperanças ela trás nas mãos u...
Enviado por Creep
em 16/11/2018 02:59:20
Offline
Creep
Do outro lado
Incrivelmente só vagando entre os becos da vida Os que resistem enlouquecem aos poucos Revirando ...
Enviado por Creep
em 27/08/2018 14:29:57
(1) 2 »