https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 5 »
Offline
Namas-tibet
A um Deus pouco divino ...
Quero que nunca mais desponte o dia Em lugar nenhum do mundo, pra que eu Durma desperto, d...
Enviado por Namas-tibet
em 24/03/2020 20:49:29
Offline
Namas-tibet
Ninguém me distingue de quem sou eu ...
Ninguém me distingue de quem sou Eu, tão cheio de lunares cansaços, mortos Mundos podem ca...
Enviado por Namas-tibet
em 20/03/2020 15:34:09
Offline
Namas-tibet
Objectos próximos,
Durmo com um punhal na nuca E outro onde sinto menos, objectos Próximos sempre me meteram ...
Enviado por Namas-tibet
em 09/03/2020 10:45:19
Offline
Namas-tibet
O avesso do espelho...
Oswaldo Guayasamín Basta querer eu alguma coisa pra que morra por ela mesmo, Assim o res...
Enviado por Namas-tibet
em 28/02/2020 17:14:28
Offline
Namas-tibet
O Amor é uma nação em risco,
Em Viena "bailaré" contigo ... e os cisnes, Sinto no amor uma sensação de risco,...
Enviado por Namas-tibet
em 06/02/2020 10:28:23
Offline
Namas-tibet
A síndrome de Savanah
A síndrome de Savanah Se falasse, crítica, enfática e demoradamente com o meu anfitrião ...
Enviado por Namas-tibet
em 27/01/2020 17:06:05
Offline
Namas-tibet
A Morte não é Bem-Vinda ...
A morte não é como a vida, Mas o sentimento fluído, vívido Em que nos sonhamos vivos e Esquece...
Enviado por Namas-tibet
em 26/01/2020 21:28:13
Offline
Namas-tibet
Patchwork ...
Neo-Expressionism in Iranian Contemporary Art / BY DAYANAND K. KAMAKAR Nunca senti tanta ...
Enviado por Namas-tibet
em 07/01/2020 17:03:14
Offline
Namas-tibet
Ladram cães à distância / Mato o "Por-Matar"
Ladram cães à distância, Mato o "Por-Matar" ... Ladro de cães à distância e uma ...
Enviado por Namas-tibet
em 07/01/2020 16:57:03
Offline
Namas-tibet
Excerto “do que era certo”
Excerto “do que era certo” Por aprovação generalizada e por comum consenso não posso amar ...
Enviado por Namas-tibet
em 07/01/2020 16:51:44
Offline
Namas-tibet
Rua dos Douradores 30 ...
30 November 1935: "I know not what tomorrow will bring" Sei-não, Me encantava Du...
Enviado por Namas-tibet
em 21/12/2019 23:53:50
Offline
Namas-tibet
A rua ao meu lado ou O Valor do riso ...
A Rua ao meu lado, Estou num daqueles dias em que nunca tive futuro, O valor do que fiz é o...
Enviado por Namas-tibet
em 21/12/2019 23:53:27
Offline
Namas-tibet
Vivo do oficio das paixões
Vivo no ofício das paixões, É ao entardecer que me julgo mais distante e pando, Não há lá...
Enviado por Namas-tibet
em 09/12/2019 11:32:46
Offline
Namas-tibet
Como morre um Rei de palha...
De futilidades e empatias tenho a aorta cheia, Mas quando o céu morre e o frio se torna cin...
Enviado por Namas-tibet
em 09/12/2019 11:15:42
Offline
Namas-tibet
"Sic est vulgus"
"No light, but rather darkness visible" Dificilmente se nasce de geração espon...
Enviado por Namas-tibet
em 09/12/2019 11:06:31
Offline
Namas-tibet
Absurdo e Sem-Fim…
Absurdo e Sem-Fim… Incompreendedor é o que sou, e a própria dor, É a comissão do esforço, ...
Enviado por Namas-tibet
em 18/11/2019 17:13:30
Offline
Namas-tibet
O Estado da Dúvida
Estado da Dúvida Perene ou Quanto a virtualidade pode ser anémica. O Talmude do gen...
Enviado por Namas-tibet
em 18/11/2019 17:10:09
Offline
Namas-tibet
Sonho sem fim, nem fundo ...
Sonho sonhos em que não creio, sem meio nem fim, Numa laguna sem fundo, padeço de sonhar...
Enviado por Namas-tibet
em 13/11/2019 12:16:13
Offline
Namas-tibet
Quantos Césares fui eu !...
(Quando O César fui eu) Quantos Césares fui, quantos Furriéis, comandos E Cabos se atormenta...
Enviado por Namas-tibet
em 10/11/2019 09:04:34
Offline
Namas-tibet
Deus Ex-Machina, “Anima Vili” ...
Deus Ex-Machina O que passou está pensado segundo um acto de procrastinação, nem sei quanta...
Enviado por Namas-tibet
em 09/11/2019 15:13:13
(1) 2 3 4 5 »