https://www.poetris.com/

 
(1) 2 »
Offline
solange Bretas
Meu Tempo
Nada temo! Em minhas mãos levo as garras do tempo Que, implícito no destino de todos nós, F...
Enviado por solange Bretas
em 04/05/2011 23:00:19
Offline
solange Bretas
Passam as Estações
Deixando de ser menina, conta as horas das estações que passavam... Primaveras, invernos, verões....
Enviado por solange Bretas
em 13/10/2010 21:37:26
Offline
solange Bretas
Letras...
Letras... ...Essas que escrevo, que compunham sentimentos, delineiam momentos, tempo, som... Na ...
Enviado por solange Bretas
em 11/08/2010 03:53:59
Offline
solange Bretas
Algum Lugar do Passado
Algum Lugar do Passado Em que lugar do passado ficamos nós esquecidos e em que sótão sombrio ...
Enviado por solange Bretas
em 18/06/2010 21:07:13
Offline
solange Bretas
FONTE IMPERFEITA
Em pensamentos me derreto. Fluindo por entre vales a encontrar verdes pastos sem responstas, me ...
Enviado por solange Bretas
em 16/12/2009 18:07:47
Offline
solange Bretas
Lençóis de Poesia
Lençóis de Poesia Logo que deslizei pelos sinuosos caminhos da poesia E o lirismo despetalou mi...
Enviado por solange Bretas
em 07/12/2009 13:11:56
Offline
solange Bretas
Reflexos
Águas se movem em sintonia são ondulantes ecos de si mesmas se lançam e se lançam destemidas. ...
Enviado por solange Bretas
em 25/11/2009 02:43:57
Offline
solange Bretas
Açoites da Solidão
Açoites de Solidão Sofro os açoites da solidão que o destino cruel pronunciou ao vento. O tempo ...
Enviado por solange Bretas
em 25/11/2009 02:25:36
Offline
solange Bretas
Extase
Extase Explosão de pleno gozo. Seus tentáculos obcenos agaram minha pele nua. Enquanto suas lav...
Enviado por solange Bretas
em 25/11/2009 02:08:24
Offline
solange Bretas
Além de Nós
Tudo vai além... Além do que posso imaginar... Sua face que resplandece, quando estamos a sós, se...
Enviado por solange Bretas
em 13/10/2009 01:07:27
Offline
solange Bretas
Medo
Tive medo... Ontem quando tudo era breu, aqui no interior do meu eu, mas logo veio à luz o segred...
Enviado por solange Bretas
em 13/10/2009 01:05:04
Offline
solange Bretas
Canção Ao Vento
Encontrei-me com o vento, a ele pedi um alento, que leve pra longe o sofrimento, cure o que fe...
Enviado por solange Bretas
em 13/10/2009 00:55:31
Offline
solange Bretas
Único Tesouro
As águas desfiam o céu São lágrimas da lua Que se deitam bordando a terra Em serpenteios sinuosos...
Enviado por solange Bretas
em 15/07/2009 16:44:48
Offline
solange Bretas
Só Lágrimas
São elas novamente, a rolar sobre pétalas de minha alma como água límpida que nasce vertendo rios...
Enviado por solange Bretas
em 15/07/2009 16:41:04
Offline
solange Bretas
Palavras Úmidas
Bem me quer... Mal me quer... Sopra o vento a despetalar poesias... O cheiro de versos no ar enca...
Enviado por solange Bretas
em 15/07/2009 16:37:35
Offline
solange Bretas
Dama Da Noite
Debruçada sobre espinhos, Deixando cair de suas pétalas O afago das gotas de orvalho na ausência ...
Enviado por solange Bretas
em 28/06/2009 14:11:01
Offline
solange Bretas
Ninguém Pra Ouvir
Um deserto árido de palavras onde a inspiração evaporou em nuvens que o vento dissipou. Deixei ma...
Enviado por solange Bretas
em 28/06/2009 13:50:49
Offline
solange Bretas
Meu Amor
Nunca é tarde quando o coração pulsa e a alma sente ardente... Ao que no peito não cabe mais, tr...
Enviado por solange Bretas
em 28/06/2009 13:45:38
Offline
solange Bretas
Pendendo No Ar
Em gotas ondulantes vislumbro meu sonhar, nos olhos (di)amantes impossíveis de tocar. Cantarolan...
Enviado por solange Bretas
em 28/05/2009 04:30:37
Offline
solange Bretas
Saudade
Meus olhos voam no infinito horizonte. Marejam qual oceano ao lançar-se n’areia, Lembranças doces...
Enviado por solange Bretas
em 05/03/2009 00:23:00
(1) 2 »