https://www.poetris.com/

Poemas, frases e mensagens de sendoluzmaior

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de sendoluzmaior

A IMENSA FORÇA DO PERDÃO

 
Uma pessoa que tinha muitas mágoas no coração, e de fato era uma pessoa muito complicada, ao fazer a oração do perdão sugerida por mim, de pronto começou a vomitar muito. A mesma estava tão entupida de ódio, que este veneno dentro dela precisou ser expurgado pelo vômito de forma radical. Algumas pessoas põem para fora de outras formas mais brandas tais como, visões, sonhos, espirros, urina, espinhas ou mesmo por vias não perceptíveis. Assim, em alguns casos o perdão é tão urgente, que meios drásticos são necessários como é o vômito.

A oração do perdão e muito mais vocês encontram em mediumajuda.wordpress.com
 
A IMENSA FORÇA DO PERDÃO

inúmeras nacionalidades

 
Mesmo tendo vários sites de ajuda espiritual visíveis no mundo todo e com isso podendo estar em contato com pessoas de inúmeras nacionalidades, diante as coisas incognoscíveis que Deus me mostra diariamente sinto-me como um bebê recém nascido.
 
 inúmeras nacionalidades

A leveza da tua alma

 
 A leveza da tua alma
 
Felicidade é poder abrir a janela da casa interna e dizer: Bom dia vida. É se deliciar com o cheirinho da manhã. É abrir a porta do quarto e ver pela fresta, que ainda dormem aqueles a quem ama. É descer a escada bem cedinho para iniciar um novo dia de trabalho, consciente, que do outro lado existem pessoas esperando pelo seu cuidado, seu sorriso franco e a leveza da tua alma.
 
 A leveza da tua alma

Uma vida fora do tempo

 
Sentado à beira da lareira observo atentamente o crepitar das chamas, o cheiro das brasas vivas, trazem-me lembranças de UMA VIDA DISTANTE. Dou-me inteiro enquanto suavemente minha alma desliza para fora de seu templo carnal.
De repente, sinto minhas pernas congelarem, respiro profundamente e me permito levar sem destino. Aos poucos, vou me percebendo caminhando à noite em uma floresta coberta por neve, a caminhada é difícil e o frio de tão intenso chega a congelar os “ossos”. Vejo meu corpo protegido por vestimentas rudimentares elaboradas com peles de animais, depois da caminhada chego a uma cabana construída com grosas toras de madeira, lá dentro a outra lareira onde a chama traz a moradia o calor necessário a vida.
Tudo me é muito familiar, meu coração acelera ao perceber uma figura feminina de costas para mim, chego a sentir o seu doce e delicado perfume, uma tormenta de fortíssimas emoções invade minha alma. Ela se vira para mim evidenciando um largo sorriso enquanto todo o ambiente inunda-se da alegria de nosso encontro.
Tudo gira mudando rapidamente o cenário, agora do lado de fora da cabana não há neve, olhando o céu vejo uma “chuva de estrelas” que não tocam a terra. Em meio à magia do momento a mulher dá à luz uma criança, há muito sangue, forças ocultas tentam arrebatar a criança, porém minha presença é suficiente para contê-las.
Observo minhas mãos ensanguentadas, pois havia realizado o parto, o alívio estampado nos olhos da mulher demonstrava que tudo tinha dado certo. Não consigo reter nada, novamente tudo se esvai como fumaça ao vento, deixando forte no peito um gostinho de “quero mais”.
Vivendo como um sonho dentro de outro sonho, o tempo passa e me vejo sentado em um sofá vermelho olhando a chama.
Estou só, restou no coração uma pontinha de mágoa.
Como observador que sou de mim mesmo nesta cena, busco enviar para aquele momento da minha vida, a energia do amor, tanto para quem está só diante da chama, quanto para quem havia partido.
https://www.amazon.com.br/dp/B012YEUUA4
 
Uma vida fora do tempo

A LÍNGUA BRASILEIRA

 
A LÍNGUA BRASILEIRA

Seria a nação Brasileira ainda uma colônia de Portugal? Falamos a língua portuguesa ou a língua brasileira? Alinho-me a aqueles que defendem uma língua nossa, a língua Brasileira. Essa não é uma questão nova, isso se arrasta desde o Brasil colônia. Isso a meu ver não significa vilipendiar legados de Portugal, mas vivenciar nossa autonomia e identidade. Já teve muita discussão sobre o assunto, lei, projeto de lei e está na constituição que a língua escrita é o Português. Contudo, a língua falada é Brasileira. Apenas questões políticas não são suficientes para conter o desejo de uma parcela da população de se libertar também da língua Portuguesa.

A deleite.
 
A LÍNGUA BRASILEIRA

Os fora da lei

 
Os fora da lei
 
Os fora da lei
À vida na terra ocorre fora de padrões cósmicos. Estamos aprisionados em uma espécie de bolha onde o tempo parou em relação ao universo, por isso ao olhar o cosmos vemos o passado, pois é nele que estamos. Vivemos encerrados no ontem, pois se tocássemos a realidade destruiríamos a nós e ao cosmos, assim como um vírus letal, que já ceifou muitas vidas, encontra-se sob controle "onde está", mas sem existir ainda "uma cura". De certo ponto de vista não temos uma existência real.

Tudo muda a partir de nós mesmos.
Em 06/04/2016
 
Os fora da lei

Ridículo

 
Ridicularizar é a moda contemporânea de se ocultar a verdade.
Uma arma muito eficiente, que afasta a grande maioria das massas populacionais do que de fato se quer ocultar.
 
Ridículo

A Deidade dela

 
A Deidade dela
 
Onde o véu era puro a cabeça de Brahma a casta tua
Do negro dos teus olhos sentenciei-me a pária feliz
Complexa e tão especial, presenteou-me a lua
No propósito de todas as coisas nossa história é raiz

Revelar-te divina em pedestal era propósito meu
Minha Deusa venerada por tantas eras em mim
Na curva da eternidade a beira-mar me fiz Romeu
A beber do cálice teu diva te fiz e sobreveio o fim

As bruxas me deixaram às trevas, mas tu me ergueste à luz
Do céu ecoou a sentença, céu e terra, noite e dia
Da revolta surge a rebelião e com ela a cruz

Por ti os leões foram a retiro eesqueceram a Guerra
Surge outra era e a esperança ainda viva desperta
A lembrar a Deidade dela por reviver na terra

Imagem da Deusa Isis. Isis instrui a todos que conscientemente buscam contatar a consciência da terra. Ela está longe de ser mito ou lenda, vivi no mundo intraterreno onde poucas consciências tem acesso.
 
A Deidade dela

O poeta beberrão

 
O poeta beberrão
 
Oriundo do clã dos aficionados da cachaça, Duílho nosso herói beberão protagoniza uma cena bizarra num bar de "primeira linha". Havia apostado cem "pratas" com o dono do bar, que tomaria todas e mesmo bêbado comporia um poema de amor e sairia de lá com uma "mina". Lá pelas "tantas" já inebriado vê uma loira acompanhada de um casal de amigos e não é que lá vai ele cambaleando recitar seu mais novo poema para a moça, que tomada de espanto ouve calada. Quando Duílho termina uma mão toca o seu ombro por trás, era o namorado da moça que havia retornado do banheiro, tudo indicava que o "caldo ia entornar", no entanto o rapaz levou na esportiva e ainda quando foram embora, deram uma carona ao Duílho deixando-o em sua casa. Intrigada a moça pergunta ao rapaz o motivo de tão nobre atitude, ao que ele responde, que estava a cuidar do futuro, diante a cara de espanto da namorada ele explica, que apenas repetiu o que ele viu o seu pai fazendo uma vez, diante um embriagado. Concluiu o rapaz, que havia aprendido que tudo na vida são oportunidades que a mesma nos oferece e que nossas atitudes demonstram aquilo que fazemos com elas e traçam o nosso destino.
 
O poeta beberrão

Os pestilentos

 
Os pestilentos sâo feios e horripilantes com caras de maus, suas dentaduras podres exalam enxofre e todos os mortais deles falam mau. Contudo, o grau de feiura de um mostro nem de longe é padrão para equivalência do que dentro do homem habita. Todo humano sem exceção e em sua plena pestilência é uma aberração nata, por pura misericórdia desconhecem a própria feiura. Sobre ele tem o peso de milhões de vidas que ceifou impiedosamente. Hoje estes mesmos humanos oram por misericórdia para suas dores e sofrimentos. Cara de piedade não faz frente a lei: Amai vossos inimigos. O humano por decreto da lei encarna no corpo do inimigo e vise e versa. Inimigo íntimo é um conceito de grande clareza. Na terra só existe 1 direito divino dado ao homem pela lei, a clareza, caso ele a peça sem arrogância. Gradear o mostro pestilento não resolve, matá-lo é fora de cogitação, amá-lo é a solução.
 
Os pestilentos

Espírito imundo

 
Espírito imundo
 
Quando um espírito imundo é expulso ele volta trazendo consigo sete outros piores que ele, assim é bom que ele encontre a porta fechada, ou o estrago será muito grande.
"E, quando o espírito imundo tem saído do homem, anda por lugares áridos, buscando repouso, e não o encontra. Então diz: Voltarei para a minha casa, de onde saí. E, voltando, acha-a desocupada, varrida e adornada. Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali; e são os últimos atos desse homem piores do que os primeiros. Assim acontecerá também a esta geração má." (Mateus 12:43-45)
ESTA CASA, É A NOSSA VIDA
Depois de limpa, liberta do pecado, pela Palavra de Deus, ficar sem fazer nada, desocupada adornada. Será um convite para que, além daquele espírito entrar novamente, trará outros piores.
A CASA TEM QUE SER OCUPADA PELO ESPÍRITO SANTO DE DEUS
 
Espírito imundo

Um verso do universo

 
Um verso do universo
 
Não se fala para produzir um mal
Nada nesta existência é real
Apenas um eco
De um verso
Do universo
 
Um verso do universo

Ver, sentir, saber, dissolver

 
As pessoas me dizem: Se houvessem "vidas passadas" teríamos de lembrar. Então, estariam prontos a enfrentar os sentimentos que tais lembranças trariam? A maioria não consegue lidar nem com os sentimentos atuais, dirá os de outras vidas.
Eu quando estou profundamente conectado com Deus veem lembranças. É assim: Tenho sonhos reais de pessoas que amo profundamente, pai, mãe, filhos, amigos e amores. O sentimento é tão forte, que ao acordar levo cerca de três a quatro horas para que se dissolva completamente. Detalhe, tais pessoas só existem ali naquela vida acessada e esse processo se repete todas as vezes que meu contato com Deus é estável, e, sempre com novas pessoas em outras vidas. As pessoas não se repetem, como se amasse infinitas pessoas e já tivesse vivido infinitas vidas. Desta forma pergunto, seu emocional suporta tal vivência ou é uma graça não lembrar?
 
Ver, sentir, saber, dissolver

A rebelião da terra

 
A rebelião da terra
 
O governo de tirania se estende por todo o cosmos.
As forças da luz perderam a batalha pelo controle da terra, e, o mal enraizou-se no íntimo das células.
Do futuro onde não há liberdade, seres de luz trazem o projeto de mudança, e inserem no coração do homem uma minúscula esperança, o amor.
Não há bondade neste ato, apenas uma estratégia usada na tentativa de se mudar o futuro, do ponto de vista do passado, que é hoje.
A terra e o interno do homem são territórios ocupados pela tirania.

Quem dentre os humanos de fato se ocupa das questões da casa do pai, preocupados que vivem de cuidar do próprio Umbigo? Das religiões que são representantes ocultos da tirania, se aproximam para cuidar exclusivamente das próprias mazelas. Desconhecem a verdade pois preferem a mentira.
 
A rebelião da terra

Um ver de si

 
Um ver de si
 
O espelho reflete apenas o outro
Num pequeno ver de si
No peito há o ego
Num grande sonho de Deus

No pequeno vejo o outro
No grande vejo eu
Ao perceber-me
Digo, sou humano

No humano deposito
Todas as mazelas
De propósito
Isentando minha alma

Entre dois mundos
Transita o ser
Alguns sonham
Apenas crescer
 
Um ver de si

Mesmo hoje Jesus conseguiria falar-vos sobre as coisas celestiais?

 
Mesmo hoje Jesus conseguiria falar-vos sobre as coisas celestiais?
 
Jesus com Nicodemos : Se vos falei de coisas terrestres, e não crestes, como crereis, se vos falar das celestiais?
Vivemos apenas as nossas questiúnculas vivenciais ou há abertura em nosso coração para as coisas relativas à casa do pai?
 
Mesmo hoje Jesus conseguiria falar-vos sobre as coisas celestiais?

A língua Brasileira

 
A língua Brasileira
No contexto oficial dizem que nós Brasileiros falamos o "Português", será? Ou seria apenas mais uma imposição colonialista, que não quer enxergar as variações linguísticas em curso no Brasil? Seria arcaico e retrógrado buscar expressar conceitos e ideias novas naquilo que repele o novo. A palavra sofrência veio para matar a pau a dor de cotovelo relativa a demência dos relacionamentos humanos. Variações linguísticas são muito bem-vindas, pois o importante mesmo é a transmissão da mensagem. Assim, como compreendemos o que é sofrência adotamos a palavra. Assim como mineiro sabe o que é ser da gema.
 
A língua Brasileira

No mar da nossa eternidade

 
“No mar da nossa eternidade (eu e ela) repousa uma vivência construída na chama ardente do amor tolerante e iluminado, que ultrapassa as ondas do tempo com força redobrada rumo a esferas ascendentes. Quando descansamos alcançamos as estrelas.”
 
No mar da nossa eternidade

Egoísmo edificado sobre areia da pura demência

 
O verdadeiro amor é incondicional por natureza, não infringe nenhum tipo de dor. Aquele que sequestra, rouba e mantém um ser em cativeiro, esta pessoa, o faz por si mesma manifestando brutal egoísmo edificado sobre areia da pura demência. Dizer que subtrair um ser para si é amor, é uma colossal deturpação de tudo aquilo, que seres conscientes e lúcidos preconizam como real e verdadeiro. O amor não se procura, não se mendiga, é encontrado quando se esquece da busca.
 
Egoísmo edificado sobre areia da pura demência

Presenciar a destruição do planeta em que vivemos é muito frustrante

 
Presenciar a destruição do planeta em que vivemos é muito frustrante
 
Presenciar a destruição do planeta em que vivemos é muito frustrante, pois demonstra com clareza a ineficiência de nossas ações na casa maior que a vida nos doou. Do ponto de vista cósmico seremos considerados suicidas e assassinos.
 
Presenciar a destruição do planeta em que vivemos é muito frustrante