MAIS FORTE QUE A PALAVRA

Data 05/06/2010 20:36:14 | Tópico: Poemas

De tanto ser invocada,
a palavra Amor
tornou-o banal,
quase corriqueiro.
Uns o confundem com paixão,
outros com sexo e atracção.
Uns cantam-no
em satisfação de conquista,
outros o choram
na enfermidade do desejo.
Alguns, até,
tentam escravizá-lo,
reduzi-lo a simples versos
que aprisionam
em pequenos poemas
que orgulhosamente ostentam
nas vitrinas do seu egoísmo.

E esquecem-se
que ele é tudo isso
e mais.
Muito mais.
Mais que mera palavra,
o amor é sentimento,
algo de muito profundo
enraizado na nossa essência
e na alma de todas as coisas.
O Amor é equilíbrio
e acção.
Não tem posse, nem pertença.
É dar e receber.
É como a luz do dia
que enche o vazio da treva
com o brilho do seu esplendor
e como o vento que sopra na planície
e força alguma é capaz de suster.

O Amor
é verbo e é carne,
verdade e esperança,
fome e sede.
É a força infinita
que faz mover todo o universo,
e a razão, porque um dia
fomos soprados
do ventre adormecido da terra.
E por ser tudo isso
e mais forte que a palavra,
nada o poderá destruir,
demover,
ou reduzir a silêncio e cinza.
Menos ainda
lhe poderá escapar,
quando ele abrir os braços,
irradiando seu eterno poder,
e nos convocar,
de volta ao seu seio.



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=136059