Fim de um arcanjo

Data 13/08/2010 16:32:53 | Tópico: Poemas -> Góticos

Fim de um arcanjo

Caído aqui estou
Pequei e estou pagando por esse pecado
Foi amaldiçoado, e meus dons arrancados
Perdi minha beleza
Agora nada mais sou
De um arcanjo supremo
Fui destruído e transformado em um demônio
Minhas asas foram queimadas
Meus olhos perfurados
Minha pele esquartejada
Agora vivo na terra entre os humanos
Como um andarilhos nas ruas perambulando
Sou humilhado por quem antes me invejava
Sou torturado por quem sempre protegi
Sou odiado por quem um dia me amou


Márcio Schmmack



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=146199