MUDANÇA PARCIAL

Data 08/04/2013 22:10:49 | Tópico: Poemas -> Tristeza

MUDANÇA PARCIAL
(Jairo Nunes Bezerra)


Eu continuo em parte o mesmo de outrora,
Vivenciado por momentos contagiantes...
Embora pense em ti a toda hora,
Mudei... Pra ti não sou o mesmo de antes!

Esqueci-me até de teus olhares,
Que competiam com as florescências do luar...
Igualando-se aos raios solares,
Causticavam o meu desejo fremente de amar!

Agora na solidão navego nas fantasias,
E tu delas sempre figurante. Quem diria?
Quando de minha mente vives sempre ausentes!

Paro de versejar... Pela vida caminho perdido,
Poeta esquecido,
Com frases vazias e impersistentes!





Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=245390