goma de mascar

Data 05/07/2013 14:01:11 | Tópico: Poemas

Fechei os olhos,
balancei cabeça,
um pouco de ansiedade,
acho que tinha medo.

Estava impaciente.
Você satisfeito,
meu corpo
ainda nu,
era como
um formigueiro.
Queria ser
sua goma
de mascar.




Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=251064