Antecipando a viajem inadiável parte 2

Data 28/09/2013 03:38:29 | Tópico: Poemas

O pior cego é aquele que não quer ver
A covardia, injustiça e miséria que cerca você
Até os anjos chamados crianças foram contaminados
Eles perderam a doce infância e não brincam mais como no passado

Não correm atrás de pipa, brincam com boneca, nem de pega ladrão
Foram amaldiçoados com a tecnologia de ultima geração
Babas eletrônicas fazendo o papel dos pais
Suprindo a falta deles absurdos que se tornaram normais

Vídeo game, computador e celulares
Adotando os filhos da nova sociedade
Viver nessa droga, que proíbe a droga, paradoxo hilário
O salario mensal de um deputado
Equivale a 2 anos do meu trabalho escravo



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=256054