Teu caminho menino

Data 10/06/2015 23:07:58 | Tópico: Poemas

Teu caminho menino

Onde estás menino do riso envergonhado
Por onde foste que eu não vi quando saiste
Segue sempre os caminhos iluminados pelo sol
Bebe sempre a água pura que borbulha da fonte

À noite guarda o teu corpo em casa e na tua cama
E não abras a porta a quem desconheces ainda
Se o sono demorar a chegar, pensa em mim aqui
Pensa no meu colo, no meu mimo e carinho

Nunca emprestes a tua alma a quem te procurar
Vem directo para casa ter comigo para eu a guardar
Lembra sempre o teu propósito nessa vida que levas
E muito importante, não te esqueças onde está o amor

Onde sempre esteve desde o inicio,
nas minhas mãos e no meu coração esperando por ti!

Eureka



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=294320