SEU MEDO

Data 26/08/2015 17:09:36 | Tópico: Poemas

O teu medo me faz ser vítima do amanhã,
faz com que as minhas certezas sejam poeira no mar.
O seu medo me faz ser vinho com sabor de água,
me faz ser ninho sem morada.

O teu medo me faz ter medo de sonhar,
medo do que, se nem no amanhã me faz acreditar.
O seu medo me faz ser o não na hora de tentar,
me faz parar sem chegar.

O teu medo virou meu medo,
me transformou no eu, sem vontade de...
O seu medo foi meu, foi seu e será além,
me faz querer gritar.

O seu medo agora meu,
me transformou no perdido.
O seu medo me faz crer,
Que te tudo só no medo acredito.


ADVERSO
by SI



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=298340