Poema Retardado

Data 17/08/2018 13:08:15 | Tópico: Poemas -> Amor


Poema Retardado

Um poema de efeito retardado
Que não foi feito com o saco roxo
Mas com a palavra roxa
Escrito com uma broxa
Mas o barato acabou sendo cortado
E o poema foi feito nas coxas
O poeta perdeu toda a sua fissura
O saco se encheu de pedras
Dita e dura rocha pura e ele cavou a sua sepultura
Mas mesmo com toda a secura
Foi um aborto desmensurado
Que produziu um arroto choco
E resultou numa matéria escura
Escorrendo feito um purê
Pela boca a descompostura
Se alguém ficou magoado
Foda-se
Afinal não existe poema acabado
E o poeta boquiaberto
Ficou louco
Mas o louco é o único que corre pelo certo
E pelo lógico
Certo?
— Sei lá, eu não trouxe meu relógio!
Rolex de ouro!
Mas com ele eu morro!

Alexandre



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=338464