VOU-ME DESPEDIR 🌷

Data 09/09/2018 11:42:24 | Tópico: Poemas

Vou-me despedir desse passado
Para vestir-me no futuro
Entre o pó colorido de giz
Desenhadas rosas, flores em cores
Que sem saber pintar lancei o perfume
Nas palavras que tentavam passar
Pelo coma que a minha alma sente
Pernoitando nos encontros
Desencontrados momentos estes
Insanos gritos desta sinfonia
Que toca desafinada
Sem sofismo ou demagogia
Palavras frias, gramáticas vazias
Giz de varias cores numa tela negra
De pequenos contos em desencontros
Onde o dilema são cruzes que minha alma carrega
Sonhos acorrentados já despidos
Escondem na névoa os gritos mudos inacabados
Fados perdidos de desejos esquecidos
Envelhecem nesta solidão sentida
Roupa velha na penas de um crepúsculo divino.



✽¸.•♥♥•.¸❀༺♥¸.•*



🌷
Isabel Morais Ribeiro Fonseca



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=339052