Resta-nos.

Data 24/06/2019 12:41:22 | Tópico: Poemas


algo de nós
ficou no silêncio,
o que és,
o que sou...

dividimos
as horas mortas,
sem oferendas,
prometimentos...

perdemos sempre
os nossos dias,
somos derrotados
pelo relógio...

resta-nos
a batalha,
a existência,
e o depois...


Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=344396