O que vai, volta

Data 04/09/2019 21:34:26 | Tópico: Sonetos

O que vai, volta.

Sou um quadro tão mal pintado
Ou um desenho só rascunhado
Que se chegar a vender fiado
E eu sei que não vou receber

Por algumas vezes até indago
Pensam que boletos não pago
Com isso eu fico muito amargo
E, então, nem sei o que dizer

Talvez por eu não esbravejar
Pensam que eu vivo só de ar
Ninguém paga o que me deve

Mas o caso não é bem assim
Todo o mal que fazem a mim
Recebem em dobro, em breve

jmd/Maringá, 04.09.19


Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=345464