Tenta esconder de todo jeito

Data 14/10/2021 13:57:27 | Tópico: Poemas -> Solidão

Ergueu os olhos, triste parecia,
E falou de uma grande ilusão;
Por onde andava, sentia
Que algo magoava o seu coração.

Sempre houvera sonhado, agora sabia
Com a eternidade do amor primeiro;
Sem saber que aos poucos esquecia
A paixão que invadiu seu corpo inteiro.

Agora anda só com lembranças
Do amor que sentia no peito
E já não tem mais esperanças;

Tenta esconder de todo jeito
Dos adultos e, também das crianças,
O sentimento que pensou ser perfeito.

Poema: Odair José, Poeta Cacerense
www.odairpoetacacerense.blogspot.com



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=359276