Me toma

Data 13/10/2008 14:43:05 | Tópico: Poemas -> Reflexão

Me toma

São palavras que me faltam
como as atitudes que não tomo.
São as frases que não escrevo
como a esperança que não tomo.
São versos que não se materializam
como a força que não tomo.
São letras que não se conjugam
como a verdade que não tomo.
São prosas que não se completam
como a sensibilidade que não tomo.
São folhas que não se marcam
como a verdade que não tomo.
São cadernos que não se guardam
como a lembrança que não tomo.
São momentos que não se apagam
como a saudade que não tomo.
São coisas.São minhas.
Sou eu, que já não sou.
Toma.


Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=56632