DEPENDE DE NÓS

Data 27/05/2006 20:59:28 | Tópico: Poemas -> Reflexão




Que todo o homem fosse cordato
Findasse a guerra e houvesse paz
Que todo o homem fosse sensato
Mostrando-nos do que é capaz.

Que toda a criança sorrisse
E não passasse mais fome
Que de afectos se cobrisse
Por quem lhe deu o nome.

Que o velho não fosse largado
Num canto qualquer sem esperança
Que ele fosse sempre o legado
Que nos traz desde quando criança.

Que a mulher fosse respeitada
Na sua casa como na usina
Que não fosse mais despeitada
Cobrindo-a de chuva fina.

E que todo o homem fosse capaz
De viver em franca harmonia
E quer rapariga ou rapaz
Fossem a nossa própria alegria.

Jorge Humberto
27/05/06




Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=733