Na nossa idade, Meu amor, os eléctricos da Graça até eles se tornam bares quando tu me beijas

Data 06/10/2018 16:09:57 | Tópico: Poemas

.
Hoje
talvez te finja estes
laranjais
que
estão
a enevoar
lábios.
Que
estão ainda
a pôr
cestos
e
névoas
aos
teus
lábios
de
Maio.
Mas,
se o sabes,
a metonímia dos
mastros leva-me a Freud. Leva-me. Leva-me.
E, logo, hoje, Meu amor, à dança que os violinos repetem em
galope na espuma dos teus
passos



Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=339656