O NADA É ETERNO

Data 11/08/2009 22:48:26 | Tópico: Poemas

O NADA É ETERNO


Anoitece
as sombras vestem as casas
o sonho envolve os amantes
os pássaros dormitam

parou a eternidade.


Poesiadeneno


Este texto vem de Luso-Poemas
https://www.luso-poemas.net

Pode visualizá-lo seguindo este link:
https://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=94353