https://www.poetris.com/
   Todas as mensagens (Leoelneno)




Re: Você acredita na mediunidade?
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
RoqueSilveira tem razão a quanto respeitar os que acreditam, mas deve lembrar que vale o mesmo para quem não acredita, o importante é o respeito e não as ideias envolvidas quando o acreditar ou desacreditar do outro não lhe prejudica ;)

Sendoluzmaior, realmente, alma deve que não ter sexo pois sexo é órgão genital rsrs agora, atração sexual (hetero, homo, bi, pan e infinitas outras) aí já seria outro assunto. Infelizmente os que conhecem/falam sobre espiritismo/mediunidade não se dá muito bem sobre o assunto "sexualidade", então é comum ou não haver uma resposta sobre deles, ou eles lançam uma resposta qualquer acerca do assunto, só para não deixar a questão em aberto, o que é uma pena...

Criado em: 1/10/2014 19:08
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Você acredita na mediunidade?
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Li o texto e posso dizer que me identifiquei em quase todos os itens.

Agora, sou Agnóstico e para aqueles que acredito não saber o que é "agnosticismo" digo que sou Ateu, mas sou Agnóstico mesmo.

Gostei deste post e me é impossível não me interessar pelo assunto, embora eu devesse analisar cada detalhe do "lado de fora" como por exemplo verificar se os itens não seriam somente procuras por evidências, o que ocorre em horóscopos, por exemplo. Indiferente de "horóscopo verdadeiro", até os "ruins" fazem as pessoas se identificarem...

Reparo que comigo as energias das outras pessoas me afetam de mais e também as energias de objetos e lugares. Mas... Como não posso sair afirmando nada, prefiro ser mais analítico para tentar perceber se por acaso aquela sensação não seria por eu estar a lembrar de uma lembrança boa ou ruim (o que mais acontece é causado pelas lembranças mesmo, um exemplo são preferências por cores, aquelas que estiveram presentes num momento ruim para você dificilmente será sua cor preferida).

Participo de um fórum sobre Assexualidade, lá dá para perceber que a maioria de nós assexuais (pessoas que não têm atração sexual - isto não é uma escolha e nem celibato, é uma orientação de nascença) somos ligados em assuntos como budismo e espiritualismo, mas isso é POR ACASO ou POR EXCLUSÃO que a sociedade nos proporciona, entretanto, por vezes aparece alguém a dizer que assexualidade é uma "evolução" do espírito. Aí é nessa hora que percebe que ou a pessoa está a delirar ou ela deturpou o que é assexualidade. Então, é sempre necessário re-analisar sempre o que seria "evolução" ou se mediunidade seria coisa de "espíritos de bem". O que não curto é ouvir falarem mal dos supostos espíritos que "sugam" suas energias, eles podem não ter culpa...

Adoro pensar no que o aquazulis disse, gostaria de nascer e morrer sem mais nem menos e sem "interferência enigmática desconhecida sobrenatural" rsrs Mas enquanto isso não me ocorre, continuarei vagando pelos temas como mediunidade, budismo e espiritualismo. E não quero acreditar em absolutamente nada, quero só sair supondo, sou contra o conhecimento daquilo que não se pode provar, se falta um sexto ou sétimo sentido? Não sei, mas enquanto não os tenho evito concluir um argumento que não me valerá de nada. Huehue

Enfim, adorei a matéria(?), sendoluzmaior

Criado em: 1/10/2014 17:57
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Análise de "Equatorial", alguém?
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Interessante se for uma elegia a patria e ao pai dele :D
E Sócrates é assim, um fofo

Uau, amei sua leitura, RoqueSilveira <3 Super, mesmo. Apresentarei essa e outras mais se vierem a uma pessoa que adorará ler isso :D

A letra é legal mesmo, a música seria a desse vídeo:
https://www.youtube.com/watch?v=rhpicjQnAPY

Criado em: 30/9/2014 4:13
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Bonjour, olá/
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Meio que assim como? Huaaa não sei se isso é muito bom xD

Aqui é ~meio~ confuso em questão de navegabilidade do site, mas é legal mesmo.

Criado em: 30/9/2014 3:59
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Análise de "Equatorial", alguém?
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Olá, creio que estou no "sub-fórum" correto para estar postando isto rsrs...

Estive procurando se haveria na Internet alguma análise/interpretação da música "Equatorial" de Lô Borges, mas não encontrei :x

Alguém tem alguma ideia de que o autor da letra pretendia dizer com seus versos?

Segue a letra:
Equatorial (Lô Borges/Beto Guedes)


Vou dizer o que sei,
Lugar sem lei que me incendeia
Ó você, meu amor, viveu sem ver
Evidente o espaço eu sei
Nesta noite equatorial, eu vou sair outra vez,
Onde morre a trilha do meu silêncio
Vou te buscar...
Clara dor tropical
Lugar sem lei
Meu adeus minha vila
Meu adeus sideral
Ninguém notou
Nesta noite nasceu meu pai
Pelo dia Equatorial
Eu vou sair outra vez
Onde morre a trilha do meu silêncio
Vou te buscar
Nesta noite equatorial
Eu vou sair outra vez
Onde morre a trilha do meu silêncio
Vou te buscar



Criado em: 29/9/2014 2:37
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Quais são os seus livros favoritos?
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Gosto de "O céu está caindo", de Sidney Sheldon; "O Monte dos Ventos Ruivantes" (Não pelo romance); "O Pequeno Príncipe", costumo ler muito; "A Invenção de Hugo Cabret"; "Capitães da Areia"; e outros...

Sei que esses muitas vezes não são considerados por muito como "livros importantes", mas é que já gostei de tantos e creio que fica difícil dizer um favorito porque se é favorito significa que nos identificamos no livro a partir de uma característica nossa, e sendo que nunca somos, e sim, sempre estamos, não faz muito sentido dizer preferido quando esse pode variar Rsrs

Criado em: 27/9/2014 22:58
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: sugestão para crítica aos textos/poemas
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Assim que se faz?

O link para críticas + texto: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=279274

Texto:
Estou bem (Dedicado aos meus 17 anos.)

Estou curado, sarado, bem.
Aquela dor que sentia
Já não sinto mais para ninguém.

Já não sinto seu coração
A bater.
Já não rememoro
O modo como reages ao me ver.

Não lembro como era seu rosto
Não lembro como me eras importante
Não recordo o motivo de ter lhe posto
No mais belo amor constante.

Como nos conhecemos?
Não importa
Estou curado de você,
Mas continuo triste
E não sei porquê.

Criado em: 27/9/2014 22:48
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Bonjour, olá/
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Obrigado, t.t

Na verdade podem me referir tanto no masculino quanto no feminino, dá no mesmo. Hue.

Criado em: 27/9/2014 21:45
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Bonjour, olá/
Muito Participativo
Membro desde:
27/9/2014 21:23
Mensagens: 70
Olá, meu apelido é Léo e "el neno" vem em referência a duas coisas: me comparam ao Pequeno Príncipe (não me culpem) e vem em referência à minha cantora favorita: Dom La Nena e tenho 18 anos ;)

Encontrei este espaço quando fui pesquisar sobre rimas para acrescentar aos meus poemas e por enquanto estou adorando isto aqui. Mais tarde lerei o que postam e postarei também, parece divertido.

Um fato sobre mim: não costumo achar que isso deva ser de interesse de alguém, mas, no caso, acho, talvez, parece, quem sabe, esse fato faz meus poemas um tanto diferentes por justamente eu não ser uma coisa que muitos o são: sexual. Pois então, sou assexual, arromântico e agênero. Ok, já sabem de mais rsrs Parei.

Acho que é isso, bye/

Criado em: 27/9/2014 21:36
_________________
Open in new window
On risque de pleurer un peu si l'on s'est laissé apprivoiser...
Transferir o post para outras aplicações Transferir



 Topo




Links patrocinados