https://www.poetris.com/
   Todas as mensagens (Gyl)


(1) 2 3 4 ... 7 »


Re: Sarau "O Grito da Poesia"
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Nós que agradecemos a vocês, Maria Lúcia e Lucineide,pela perseverança, pelo desempenho, pela iniciativa, pela gentileza, pela paciência, pela generosidade, fé e força de vontade. Vocês foram o exemplo perfeito de que é possível transformar o site em um lugar melhor é que a comunhão ainda faz parte da raça humana. Obrigado, meninas, pela prazer proporcionado e pela façanha conseguida. Abraços e beijos poéticos!

Criado em: 11/8/2017 1:38
_________________
Gyl Ferrys
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia"
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Quando eu "Poemo"

Quando eu "poemo"
Eu me disfarço
Finjo o que faço
E tento Ser Supremo.

Quando o poema teço
O texto refaço
Metade, um terço
São flores de aço.

Quando eu "poemo"
Crio um laço
Acolho o abraço
Do outro ao extremo.

Então leitor, me leia
Seja a serpente
Que me volteia
Desvende minha mente
Constringe-me
Dispa minha roupa
Envolva-me
Até que eu abra a boca
Para que pingue em mim
O lúdico e liberto veneno.

Que o poema seja
A aliança entre nós
O poema é meu corpo
Que é dado para vós
Meu sangue é o vinho
As palavras o caminho
que me leva até a ti.

Venha de qualquer jeito
Que venha o que importa
Está aberta a porta
Que trago dentro do peito
Devora-me!
Desvenda-me!
Deixe-me nu
Sejas eu
Que eu serei
Seu "Tu"!

( Meu terceiro e último texto para a contribuição e participação no Sarau)

Criado em: 10/8/2017 22:06
_________________
Gyl Ferrys
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: enlace
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Belas palavras que me trouxeram a imagem desse voo nupcial. Belo por ser belo. Beijos, Zita!

Criado em: 5/8/2017 2:53
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia"
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Quem se rende a fúria da tua poesia, Karina, somos nós, meros mortais que nos embriagados perante o alto teor poético exalado de ti. Beijos e obrigado pela participação!

Criado em: 1/8/2017 21:39
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia"
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
A Última Morada


Ceifada a raíz do último lírio
Balsâmico eflúvio o corpo expele
Deixando o desejo após o delírio
Em ósculo veludoso na pele.

Eu bebo o meu choro e, louco, sorrio.
Detrás da colina avisto a Cibele
Que faz prateada a água do rio
De lágrimas que uma lápide impele.

Repousa, querida. Velo-te, amada.
Está findo o sol da vida em teu templo.
O Tempo não mais escorre p'ra ti.

Assim lamento-te e te contemplo
(Vendo a tua tez pálida eu não cri)
Repousando na... última morada.





Criado em: 31/7/2017 20:30
_________________
Gyl Ferrys
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia" P/Semente
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Este seu desassossego é a nossa admiração pela poetisa e pela pessoa maravilhosa que é. Muito obrigado pela iniciativa. Um beijo e tudo de bom, sempre.

Criado em: 29/7/2017 15:09
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia" P/ Sidney
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
E 'verdade" vestida de si mesma não sabe aonde vai... O importante é nunca deixarmos de buscá-la. Parabéns e obrigado por participar, Sidney. Abraços!

Criado em: 29/7/2017 15:06
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia" P/ Raipoeta
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
A primeira estrofe é de um beleza poética invejável, assim como todo o corpo do poema. Parabéns pelo texto e obrigado por participar, por fazer do Luso um ambiente mais agradável, mais participativo, interativo e poético. Muito forte abraço, poeta Raí.

Criado em: 29/7/2017 15:02
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia" P/Lucineide
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
O texto aborda bem uma característica bem brasileira que é a favelização e as condições sub-humanas as quais as pessoas excluídas do sistema vivem. Uma triste realidade que vai piorando dia-a-dia. Por exemplo, neste exato momento o exército brasileiro está atuando nas favelas do Rio de Janeiro. O poder paralelo, o descaso e o preconceito descarado contribuem, e muito, para tal situação. Parabéns, Lu, pelo texto e pela iniciativa. Abraços poéticos!

Criado em: 29/7/2017 14:56
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: Sarau "O Grito da Poesia" P/ Carolina
Membro de honra
Membro desde:
8/8/2009 0:29
De Brasil
Mensagens: 15097
Snif! Igual a minha avozinha! Será que todas as avós são iguais neste mundo? Identifiquei-me muito com o texto. É universal e cabe dentro de qualquer um. Parabéns, Carolina!

Criado em: 28/7/2017 16:26
Transferir o post para outras aplicações Transferir



 Topo
(1) 2 3 4 ... 7 »




Links patrocinados