https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

CHORO DE UM POETA TRISTE

 
Tags:  tristeza    choro    desencanto    poeta triste  
 


Sinto desmoronar-se o Céu em mim
Vivo em rios de amargura que me afogam
Rajadas de dôr, vendavais sem fim
Atormentam-me o peito e me sufocam

Vivências, aventuras que sonhei
Ao lado meu passaram como um sonho
Na vida nada fiz, tudo falhei
Recordo o que não fui e sofro, sofro..

Gozei grandes paixões, grandes amores
Nem isso mereci eu ter vivido
Árvore apodrida, sem folhas nem flores
Quanto daria por não haver nascido

O peso desta vida que não quero
Carrego em mim e arrasto dia a dia
Nada aspiro, nada peço, nada espero
Minha alma são só nacos de agonia

Recordo a minha vida, triste história
Já não espero milagres nem me imponho
Já quis eu ser um génio, uma vitoria
Porém não sou nem eco desse sonho

Comparo-me a um rio ao entardecer
Água que corre em ânsia desmedida
Assim me sinto eu, água a correr
Assim correu por mim a minha vida


Paulo Varela


"Quando te expressares, procura que as tuas palavras não sejam piores que uma página em branco"

 
Autor
paulovarela
 
Texto
Data
Leituras
1287
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
12 pontos
12
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Kira
Publicado: 06/07/2009 01:02  Atualizado: 06/07/2009 01:02
Colaborador
Usuário desde: 26/07/2007
Localidade: São Paulo
Mensagens: 805
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
A água de um rio sempre corre para o mar...e neste trajeto não se sabe o que pode aparecer, há muitas curvas...
O peso de nossa vida, certamente nos valeu: a Experiência! Isto só com a vivência.

Erga a cabeça e creia que a felicidade te brindará com surpresa agradável.

Boa semana!


Enviado por Tópico
EuniceContente
Publicado: 06/07/2009 01:06  Atualizado: 06/07/2009 01:06
Colaborador
Usuário desde: 05/07/2009
Localidade:
Mensagens: 532
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
"Passado perdido
Futuro que pode ser melhorado"

=)


Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 06/07/2009 06:40  Atualizado: 06/07/2009 06:40
Colaborador
Usuário desde: 22/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
Poema bem rimado e muito bonito, apesar... do pesar que o perpassa.

Parabéns!

Um beijinho


Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 06/07/2009 08:21  Atualizado: 06/07/2009 08:21
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
Cante ou não a sua dor,
No peito do poeta lavra
o uni_verso da palavra
como um acto de amor.

Um abraçooo!
Abílio


Enviado por Tópico
JoséCorreia
Publicado: 06/07/2009 10:03  Atualizado: 06/07/2009 10:03
Luso de Ouro
Usuário desde: 17/03/2009
Localidade:
Mensagens: 287
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
Independentemente do que o poema pretende transmitir, está muito bem formulado, com boas rimas!
Abraço


Enviado por Tópico
AnaMartins
Publicado: 07/07/2009 20:58  Atualizado: 07/07/2009 20:58
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2009
Localidade: Porto
Mensagens: 2221
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
"Assim me sinto eu, água a correr
Assim correu por mim a minha vida"

Oooops, não te expressaste bem...Eu ajudo:

"Assim me sinto eu, água a correr
Assim corre por mim a minha vida"

Fica melhor assim!

Um beijinho da redactora!

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 29/07/2009 21:40  Atualizado: 29/07/2009 21:40
 Re: CHORO DE UM POETA TRISTE
Leio sentimentos rimados
a rima,é um detalhe
a força com que esse
coração fala na escrita
deixou-me muito tocada!
Parabéns poeta.