« 1 ... 264 265 266 (267) 268 269 270 ... 282 »


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
3/9/2012 2:38
Mensagens: 18165

Criado em: 29/7/2023 19:50
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
3/9/2012 2:38
Mensagens: 18165

Criado em: 1/8/2023 15:50
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira
Administrador
Membro desde:
15/2/2007 12:46
De Porto
Mensagens: 3673



Metalica toca icónica música Portuguesa
" a minha alegre casinha"

inesquecível


atenciosamente
HC

Criado em: 2/8/2023 14:12
_________________
" An ye harm none, do what ye will "
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
3/9/2012 2:38
Mensagens: 18165

Criado em: 6/8/2023 2:05
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
6/6/2012 14:51
De Macapá/Amapá - Brasil
Mensagens: 5780



Criado em: 7/8/2023 21:17
_________________
Aquela mania de escrever qualquer coisa que escorrega do pensamento.

Open in new window
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
2/4/2012 17:15
De Brasília- Brasil
Mensagens: 654



Remake de "I Will Follow You" do Rick Nelson.
Gosto dessa versão, dos arranjos, da voz...

Criado em: 10/8/2023 14:21
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira

Membro desde:
3/9/2012 2:38
Mensagens: 18165

Criado em: 11/8/2023 17:49
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira
Administrador
Membro desde:
15/2/2007 12:46
De Porto
Mensagens: 3673


completamente rendida à música, ao poema, às duas vozes em coeso

boa semana e boas inspirações

atenciosamente
HC

Criado em: 14/8/2023 17:01
_________________
" An ye harm none, do what ye will "
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Re: A Música que nos inspira
Administrador
Membro desde:
2/10/2021 14:11
Mensagens: 462
.
Acabei de ler "Pão de Açúcar", de Afonso Reis Cabral, um livro inspirado no triste episódio de Gisberta Salce Júnior, transexual assassinada em 2006 por um grupo de menores.
No final, o autor refere esta canção de homenagem, que foi composta por Pedro Abrunhosa, e interpretada pelo próprio e por Maria Bethânia:



"Trouxe pouco
Levo menos
A distância até ao fundo é tão pequena
No fundo, é tão pequena
A queda

E o amor é tão longe"

Criado em: 16/8/2023 9:48
Transferir o post para outras aplicações Transferir


Balada De Gisberta
sem nome

Open in new window


Balada De Gisberta
https://pt.wikipedia.org/wiki/Gisberta_Salce_J%C3%BAnior

Dai-me a honra de completar, (e para que não se repita)


Pedro Abrunhosa




Perdi-me do nome,
Hoje podes chamar-me de tua,
Dancei em palácios,
Hoje danço na rua.

Vesti-me de sonhos,
Hoje visto as bermas da estrada,
De que serve voltar
Quando se volta p'ró nada.

Eu não sei se um Anjo me chama,
Eu não sei dos mil homens na cama
E o céu não pode esperar.

Eu não sei se a noite me leva,
Eu não ouço o meu grito na treva,
E o fim vem-me buscar.

Sambei na avenida,
No escuro fui porta-estandarte,
Apagaram-se as luzes,
É o futuro que parte.

Escrevi o desejo,
Corações que já esqueci,
Com sedas matei
E com ferros morri.

Eu não sei se um Anjo me chama,
Eu não sei dos mil homens na cama
E o céu não pode esperar.

Eu não sei se a noite me leva,
Eu não ouço o meu grito na treva,
E o fim vem-me buscar.

Trouxe pouco,
Levo menos,
E a distância até ao fundo é tão pequena,
No fundo, é tão pequena,
A queda.

E o amor é tão longe,
O amor é tão longe…
E a dor é tão perto.





Criado em: 16/8/2023 14:31
Transferir o post para outras aplicações Transferir







Links patrocinados