https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Verborragia poética

 
Open in new window





















O que buscar?
Se nada há o que se procurar
Se pouco há o que se encontrar
Se tudo há o que se mostrar

O que procurar?
Se nada há o que se encontrar
Se pouco há o que se mostrar
Se tudo há o que se buscar

O que encontrar?
Se nada há o que se mostrar
Se pouco há o que se buscar
Se tudo há o que se procurar

O que mostrar?
Se nada há o que se buscar
Se pouco há o que se procurar
Se tudo há o que se encontrar.

AjAraújo, o poeta humanista, escrito no Outono, abril de 2002.
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
689
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Raule
Publicado: 27/09/2009 16:03  Atualizado: 27/09/2009 16:03
Super Participativo
Usuário desde: 23/09/2009
Localidade:
Mensagens: 103
 Re: Verborragia poética
Brincar de Palavras
E concluir tão belo poema.
Só os poetas como você são capazes.

Abraço Amigo, e me visite quando possível.