https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Feitos de palavras

 
Em cada palavra que invento
Junto um sonho fatigado
Confundido e derrubado
Quando eu sonho acordada
E desvaneço corcovada
Pela destreza do momento,
Feito no meu pensamento.

Em cada acto de amor
Misturo um pingo de saudade
Mergulhada na infelicidade
E a morrer um pouco por nada
Mato o talento enganada
Das palavras com valor,
Feitas com menos rigor.


 
Autor
mariagomes
 
Texto
Data
Leituras
539
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
5
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 25/05/2010 22:48  Atualizado: 25/05/2010 22:48
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: Feitos de palavras
Poetisa,fico esperando tuas poesias,és uma das
favoritas.
Palavras escritas com emoção.

Beijos!

Varenka

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 25/05/2010 23:04  Atualizado: 25/05/2010 23:04
 Re: Feitos de palavras
Maria, teus versos sempre encantam... e tão sublime é a palavra, seu poder é imenso, infelizmente uns as usam para dar amor, outros para causarem dor... bjus queria poetisa. bjus no coração.

Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 26/05/2010 01:00  Atualizado: 26/05/2010 01:00
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: Feitos de palavras
Poetisa Mariagomes!

Hoje variou de inspiração de soneto para poesia.
Mas gostei do mesmo jeito que gosto de seus sonetos.
Em cada palavra que invento junto um sonho fatigado.
Bonito!
Bjinhos
♫Carol

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/05/2010 13:56  Atualizado: 26/05/2010 13:56
 Re: Feitos de palavras
Amiga Maria,sempre deixa na escrita o encanto do teus pensamentos...amei!

Parabéns!

Rosa

Enviado por Tópico
Beija-Flor76
Publicado: 27/05/2010 22:10  Atualizado: 27/05/2010 22:10
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2010
Localidade: PORTUGAL
Mensagens: 2058
 Re: Feitos de palavras
Um poema um pouco tristinho, mas de uma beleza e fulgor invejáveis.
Assim vale a pena andar por aqui...
Beijinhos amiga Maria.