https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Reflexão : 

Insensibilidade (ensaio)

 
Tags:  Albano Ferreira    Estados d`alma  
 
Open in new window

Se tu me amas,
porque aclamas a tua indiferença?
Porque insinuas, que a tua presença
é fruto de um mero acaso?
Porque me negas ao teu amor,
que, em teu coração chega a ser dor,
sabendo que, com isso, eu me extravaso?

Se tu me amas,
porque aclamas fastidioso o meu ardor?
Porque o desdenhas, sem pudor?

E tu sabes que isso me causa tanta dor...

Se tu me amas,
porque, vendo retratado em mim tanto amor,
deixas-me partir, e nem reclamas?

apsferreira



apsferreira

 
Autor
apsferreira
 
Texto
Data
Leituras
1189
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
10
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Ghost
Publicado: 26/08/2011 23:48  Atualizado: 26/08/2011 23:48
Colaborador
Usuário desde: 09/04/2011
Localidade: Lisboa, Portugal
Mensagens: 1822
 Re: Insensibilidade (ensaio)
Amor que dói com a indiferença de sentimento.
Um poema triste e doloroso onde o eu poético chora e questiona-se que amor é esse que clama amor e magoa.
Muito bom.
Abraços e Felicidades.


Enviado por Tópico
belarose
Publicado: 27/08/2011 01:39  Atualizado: 27/08/2011 01:39
Colaborador
Usuário desde: 28/10/2010
Localidade:
Mensagens: 9026
 Re: Insensibilidade (ensaio)
Boa noite!Querido amigo Albano

Um poema onde retratas tanto amor e não deixa de transparecer a dor e indiferença deste sentimento...parabéns amigo esta linda sua poesia e imagem.

Beijos.

Open in new window


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/08/2011 02:04  Atualizado: 27/08/2011 02:04
 Re: Insensibilidade (ensaio)
*Poeta Albano, essa 'insensibilidade' que versas tão bem aqui, tocou minha alma.
Bonita e sentida construção!
Abraço-te
Karinna*


Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 27/08/2011 03:20  Atualizado: 27/08/2011 03:20
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: Insensibilidade (ensaio)
Poeta Ferreira!

Um amor que não reconhece o amor lhe é devotado.
Lindo sentido e poema.
Obrigada pela visita no meu cantinho.
Abraço
Carol


Enviado por Tópico
Jully Angel
Publicado: 02/09/2011 04:46  Atualizado: 02/09/2011 04:46
Novo Membro
Usuário desde: 01/09/2011
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 8
 Re: Insensibilidade (ensaio)
Muito bom o texto. Parabéns!