https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Quadrilha

 
João odiava Teresa que odiava Raimundo
que odiava Maria que odiava Joaquim que odiava Lili
que não odiava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado no Luso.

paráfrase sobre "Quadrilha", de Carlos Drummond de Andrade
 
Autor
Semblante
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1191
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
4
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 18/12/2011 16:12  Atualizado: 18/12/2011 16:12
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 30003
 Re: Quadrilha
ADORÁVEL

MARTISNS

Enviado por Tópico
pAuLoGaLvAo
Publicado: 18/12/2011 17:29  Atualizado: 18/12/2011 17:29
Colaborador
Usuário desde: 12/12/2011
Localidade: Lagos
Mensagens: 613
 Re: Quadrilha
Salve-se quem puder, a água do Luso inquinada.
Uma boa forma de mostrar indignação.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 18/12/2011 17:38  Atualizado: 18/12/2011 17:38
 Re: Quadrilha
hammm, entendi agora.hehhe
abraços

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 21/10/2014 15:21  Atualizado: 21/10/2014 15:21
 Re: Quadrilha
senti uma pitada de desilusão em suas palavras,sinceramente respeito sua opinião mas n acredito q se deva generalizar, no meio de uma multidão sempre tem quem mereça estar fora da linha de combate.