https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Seus Pares

 
Reparei que eles reparavam os meus
Trazem consigo, o que consigo trazia Zeus
Demonstram ter visto de tanto e de tudo
E sabem dizer muito, mesmo mudos.
Quando se desviam, a mímica fica difícil de identificar
Mas quando se fixam, não há nada para enganar.
Se eu me deixar encarar, não sei como vou fazer
Para poder apagar essa chama que vai acender.
Sim, seus olhos e seus olhares!
Dão uma tranquilidade que só se sente nos mares
Levam a uma dimensão extraordinária
E não pode vê-la nem quem delira da febre da malária.
Nem o universo com sua infinita imensidão
Seria capaz de despertar algo tão forte em minha observação
Será uma coincidência quando o meu par e o seu se cruzam?
Ou será que os seus olhos buscam os meus dizendo : " não, não fujam?"
De uma cor só, eles parecem ser
Mas ah, que mentira! Ninguém chegou suficientemente perto para ver
Não, eles nem sempre se demonstram atentos
Muitas vezes não sei onde se passam, foram levados ao vento
São seguros e transferem total confiança
Esta que se sente, quando se compromete a uma aliança
Parece incrível e estranho , ao olhar de uma criança
Mas o que há de mais incrível e estranhado
É o olhar dos olhos que olham os olhos olhados.

-Alice in not wonderland

 
Autor
AliceInNotWonderland
 
Texto
Data
Leituras
348
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.