https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Soneto do Vinho

 
Soneto do Vinho



Você fica descansando
Quando eu olho de mansinho
Com amor e com carinho
No calor ou no friozinho...

Cada um com seu estilo
Às vezes com aquele corpinho
Outras vezes se espalha todinho,
- Encorpado o garotinho!

Ao esperar o dia todinho
A taça verdejante
Fica estática adiante

Aguarda o vinho na hora minguante
Saciar a minha sede
Numa tensa saudade de amante.


Marcelo de Oliveira Souza,IWA


Marcelo de Oliveira Souza,IwA
Dr. Honoris Causa em Literatura
site: www.poesiassemfronteiras.no.comunidades.net - Concurso Literário
blog: http://marceloescritor2.blogspot.com
Instagram: @marceloescritor

 
Autor
marcelooso
 
Texto
Data
Leituras
285
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.