https://www.poetris.com/
 
Open in new window

É diante dos vazios
que percebemos
o quanto preenchemos
a vida de nadas
que pareciam tudo,
restam os espaços vazios
para as fugas existenciais.

Alberto AjAraujo, escrito em novembro de 2019.
Arte por Nik Helbig ~ angel moon
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
118
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.