https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Desconhecida

 

Sinto falta de alguma coisa

No meio disto ela poisa

A resposta tarda a vir

Porque tenho eu de sorrir



Todo o que fiz foi em metades

Nada foi por inteiro

Gostava que fosse verdadeiro

Entre todas as idades



Passeias a beira-rio

Eu sai que tens frio

Andas contra a corrente

E ficas mais contente



Como tu gostava de ser

Tens força para viver

Contens a calma nos sonhos

Parecem-me serem risonhos

 
Autor
Silva
Autor
 
Texto
Data
Leituras
570
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.