https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Espelho

 

Lembro-me da tua cara

Ela hoje esta tão clara

No mundo do pensamento



Um dia serás livre. Serás?

Por enquanto tu não rezas

Sinto os teus traços na pele

Desculpa ter sido infiel



Hoje do céu cai chova

Esta pouco clara mas sim turva

Carregas a tua felicidade

Sabias da ausência da liberdade



Sou o culpado do negro lado

No fundo oiço a tristeza do fado

Choraste ao som das melodias

E quiseste apagar os dias



Agora vais sempre se feliz

Penso fundo algo que o diz

A tristeza de todos os dias passou

Tua alma o vento de mim levou

 
Autor
Silva
Autor
 
Texto
Data
Leituras
563
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.