https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Logica de Vida!

 
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
[size=SIZE]Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
[/size]Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
[font=Verdana]Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
[size=SIZE]Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
Preso à vida,
Às acções do momento,
Aos reflexos de alegria
De tristeza e solidão…
É assim que vivo a vida…
Pois tenho uma lógica
Que tento cumprir:
Ser feliz,
Viver por viver…
Curtir a vida,
Antes que ela,
Me pregue uma partida…
E que aja por precipitação
Espete um tiro a alguém
E vá parar à prisão…
Lógica que apoio,
E só me consegue calcar
Quem segue uma igual
Ou alguém,
Que esteja a amar…
[/size][/font]

É assim que gosto de viver! E só gosto de quem gosta!
 
Autor
gustavobastoz
 
Texto
Data
Leituras
905
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 07/08/2009 11:37  Atualizado: 07/08/2009 11:37
 Re: Logica de Vida!
O teu poema tem lógica, mas por favor que lógica tem a repetição?

Beijo azul