https://www.poetris.com/
 
 
Tags:  tempo  
 

Open in new window


Tempo

Ah! Como gostaria retê-lo...
Passa trem veloz, carregando
Passageiros em viagem de ida
A volta fica apenas no passado!

Imagem do Google.com
Fhatima
13/08/09-n.02
 
Autor
Fhatima
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1138
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
26 pontos
26
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Henricabilio
Publicado: 13/08/2009 15:03  Atualizado: 13/08/2009 15:03
Colaborador
Usuário desde: 02/04/2009
Localidade: Caldas da Rainha - Portugal
Mensagens: 6963
 Re: Tempo
A fuga do tempo e os seus mistérios insolúveis, são temas que desde sempre dão corda ao espírito poetico... e não volta a dar.
Um abraço0!
Abílio


Enviado por Tópico
arfemo
Publicado: 13/08/2009 17:52  Atualizado: 13/08/2009 17:52
Colaborador
Usuário desde: 19/04/2009
Localidade:
Mensagens: 4812
 Re: Tempo
Bela "volta", Fhatima, à volta do tempo, que inexorável corre indiferente.

Abraço
Arfemo


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 13/08/2009 18:45  Atualizado: 13/08/2009 18:45
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: Tempo
Passei, li, gostei, envio aplausos pelo bonito trabalho!


Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 13/08/2009 19:05  Atualizado: 13/08/2009 19:05
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14956
 Re: Tempo p/ Fhatima
Querida amiga Fhatima

Excelente forma de descrever o tempo
do passado que foi que nada fará voltar
para o presente por mais que queiramos

Um beijo de carinho e amizade


Enviado por Tópico
(re)velata
Publicado: 13/08/2009 21:08  Atualizado: 13/08/2009 21:08
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2009
Localidade: Lagos
Mensagens: 2181
 Re: Tempo
Gostei da originalidade da imagem do "trem" para exprimir a velocidade a que o tempo passa.

Beijinho!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2009 02:48  Atualizado: 14/08/2009 02:48
 Re: Tempo
Amiga Fhátima,
Estou feliz por estar aqui novamente...
Mas agora quem deve estar ausente sou eu,devido a volta aos estudos...

Amei essas palavras tão bem elaborada e a figura deu uma realidade linda...

Parabens!
Bjs
Rosa


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2009 02:57  Atualizado: 14/08/2009 02:57
 Re: Tempo
Fhatima, fiquei feliz quando te vi.

Que imagem bem projetada.
O poema é forte e contemplativo. O trem leva os que amamos, que fazem parte da nossa vida. O tempo volta através das lembranças.

Um beijo minha querida.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/08/2009 05:44  Atualizado: 14/08/2009 05:44
 Re: Tempo
Um belo pensamento. O passado é isso mesmo; passado e fica retido no tempo. Dele nem sempre a saudade!

Beijo azul...Sempre!


Enviado por Tópico
ONOVOPOETA
Publicado: 14/08/2009 14:56  Atualizado: 14/08/2009 14:56
Da casa!
Usuário desde: 20/10/2008
Localidade:
Mensagens: 232
 Re: Tempo
lindo como sempre é seu trabalho, um grande abraço amiga da escrita.


Enviado por Tópico
Alexis
Publicado: 14/08/2009 14:59  Atualizado: 14/08/2009 14:59
Colaborador
Usuário desde: 29/10/2008
Localidade: guimarães
Mensagens: 7254
 Re: Tempo
gosto destes poemas sintéticos,que agarram num movimento rápido aquilo que pretendem.
beijo,
alexandra


Enviado por Tópico
laise
Publicado: 14/08/2009 20:09  Atualizado: 14/08/2009 20:09
Colaborador
Usuário desde: 16/06/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 746
 Re: Tempo
Mesmo que o tempo deixe saudades
ou deixe marcas, bom é termos
o que lembrar..e no presente
aproveitar...
Linda volta

Beijos com carinho
Sane


Enviado por Tópico
Lara Adam
Publicado: 14/08/2009 20:11  Atualizado: 14/08/2009 20:11
Da casa!
Usuário desde: 16/05/2008
Localidade: Ponte de Lima
Mensagens: 450
 Re: Tempo
Ah Fhatima, poema pequeno mas que diz tudo! Eu adorei! Beijinho


Enviado por Tópico
salomé
Publicado: 14/08/2009 22:42  Atualizado: 14/08/2009 22:42
Da casa!
Usuário desde: 25/01/2008
Localidade:
Mensagens: 409
 Re: Tempo
O tempo como um trem que passa veloz.Assim é o trem da vida que não conseguimos parar.Beijinhos