https://www.poetris.com/
 
Textos -> Outros : 

CARTA DE DESPEDIDA E A RESPOSTA

 
Tags:  separação    casamento    INCOMPRENSÃO  
 
Meu querido marido:
Escrevo-te esta carta para te dizer que hoje deixei-te!
Eu fui para ti a mulher ideal durante estes últimos sete anos e nada recebi de volta
Estas duas últimas semanas, foram a gota de água que fez entornar o vaso

O teu chefe telefonou esta manhã para me dizer que abandonas-te o teu emprego

Na última semana, tu chegas-te a casa e nem sequer vis-te a minha nova permanente, loira\platina
com tão lindas mexas, eu tinha preparado o teu refogado favorito e eu tinha vestido a minha nova lingerie.

Tu chegas-te, engoliste o jantar em dois minutos e tu deitaste-te logo de seguida ao fim do jogo e uma vez mais o Benfica perdeu.

E mesmo depois do nosso casamento,tu jamais me disseste que me amavas

Mas hoje, isso já não tem importância, porque te deixo, pobre estúpido!

Tua ex-mulher.

P.S. Não tentes vir me procurar, o teu irmão e eu nós mudamos de casa, nós vamos viver juntos a vida que eu sempre sonhei.



E em resposta ela recebeu....

Minha cara ex-mulher,

Na minha nada me fez mais prazer que esta tua carta
É verdade que nós estivemos casados durante sete anos, mas para o que é da mulher ideal, lá tu sonhas....
Sempre fui obrigado a me plantar em frente da TV para ver o futebol, quando chegado do trabalho eu te encontrava com uma cara de doente, passeando através da casa vestida com uma lingerie grotesca.
Infelizmente, isso nunca te chegou a enjoar e a recomeçar.

Mas é certo que vi muito bem as tuas mexas.
Na semana passada, a primeira coisa que eu pensei em entrando em casa, foi « bem visto minha grossa, tu pareces um meco»
A minha mãe ensinou-me que é melhor de nada dizer quando nada há a dizer de gentil....

E quando tu preparas-te essa porcaria de refogado, tenho a impressão que tu me confundiste com o meu irmão, pois, que te lembro, que sou vegetariano há dez anos.
Eu fui-me deitar quando vi a tua nova lingerie que tinha ainda a etiqueta colada. Eu te confesso que pensei que tinha sido um simples acaso; eu tinha emprestado 100 euros ao meu irmão na manhã desse dia, e a etiqueta o preço era de 99,90€

Depois de isto tudo, tu pensas que as coisas se podem arranjar entr nós sobretudo quando eu vinha de ganhar 20 milhões de euros no Loto

Pedia demissão e comprei dois bilhetes para irmãos para a Jamaica, quando cheguei a casa tu não estavas lá.
Acredito que as coisas não acontecem por acaso
Espero que a partir de agora, a tua vida senha o sonho que tu sonhavas

O meu advogado diz, que a tua carta chega para pedir o divorcio sem divisão de razões por ou contra, nem de bens, evidentemente. Então.... Bom vento!

P.S.: Por acaso tu sabias que o meu “irmão” António, pelo registo civil e que se chama ainda Antonieta? Espero que isso não te cause algum problema.

A. da fonseca

Texto que me foi enviado em francês


SOU COMO SOU E NÃO COMO OS OUTROS QUEIRAM QUE EU SEJA

Sociedade Portuguesa de Autores a Lisboa
AUTOR Nº 16430
http://sacavempoesia.blogspot.com em português
http://monplaisiramoi.eklablog.com. contos para as crianças de 3 à 103 ans
http://a...

 
Autor
Alberto da fonseca
 
Texto
Data
Leituras
7564
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.