https://www.poetris.com/
 
Textos : 

nota

 
 
na impossibilidade total do encontro
deixou uma nota avisando:

-não posso.o meu mundo é outro.

e dito isto,deixou cair as lentes de contacto e seguiu,tacteando o caminho.


cruz mendes

 
Autor
Alexis
Autor
 
Texto
Data
Leituras
795
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
19 pontos
11
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
eduardas
Publicado: 19/02/2010 00:18  Atualizado: 19/02/2010 00:18
Colaborador
Usuário desde: 19/10/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3731
 Re: nota p/Alexis
Mas a morte deixou-o a rastejar.

bj
Eduarda

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 19/02/2010 00:21  Atualizado: 19/02/2010 00:21
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: nota
Li e reli essa nota e saio escorando daqui um caminho de tão belo e curto/imenso poema. bj

Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 19/02/2010 01:11  Atualizado: 19/02/2010 01:11
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: nota
o desencontro de hoje pode ser o encontro de amanhã, numa outra esquina do tempo.
gostei do poema.

DM

Enviado por Tópico
Nitoviana
Publicado: 19/02/2010 01:36  Atualizado: 19/02/2010 01:36
Colaborador
Usuário desde: 10/04/2009
Localidade:
Mensagens: 648
 Re: nota
Talvez as lentes do contacto estivessem desajustadas, não procurando o contacto, mas procurando ser contactado?! Quiçá!? A escrita é pertinente, porque faz parte dos mundos que somos!Um beijo Alexis!

Enviado por Tópico
Massari
Publicado: 19/02/2010 01:38  Atualizado: 19/02/2010 01:38
Colaborador
Usuário desde: 07/12/2009
Localidade: Sertãozinho/SP
Mensagens: 1089
 Re: nota
às vezes caminhamos às cegas, o que fazer se as lentes nem sempre se adequam ao usuário
beijos cara amiga

Enviado por Tópico
Mariaa
Publicado: 19/02/2010 02:32  Atualizado: 19/02/2010 02:32
Colaborador
Usuário desde: 23/08/2009
Localidade: Braga
Mensagens: 2621
 Re: nota
Tu, num "curto" circuito
incendeias as almas da gente
e nos dás teu poema gratuito
que nos põe tudo actuante!

N Beijos e mil abraços siderais da amiga ao dispor
Mariaa*+* *+*

Enviado por Tópico
HorrorisCausa
Publicado: 19/02/2010 13:04  Atualizado: 19/02/2010 13:18
Colaborador
Usuário desde: 15/02/2007
Localidade: Porto
Mensagens: 2699
 Re: nota
com ou sem lentes tacteámos caminhos, talvez pela possibilidade de um total encontro sem nota de aviso.

gostei da forma como captaste a essência da poesia do BSV que na minha perspectiva é uma poesia de cálculo mental que me agrada pela sua amplitude minimalista.

beijo

Enviado por Tópico
RoqueSilveira
Publicado: 19/02/2010 13:11  Atualizado: 19/02/2010 13:11
Colaborador
Usuário desde: 31/03/2008
Localidade: Braga
Mensagens: 8223
 Re: nota
pelo menos avisou...muito embora a "violência" da explicação, insensível, como sua cegueira...
Beijo Alex

Enviado por Tópico
Alexis
Publicado: 19/02/2010 15:07  Atualizado: 19/02/2010 15:07
Colaborador
Usuário desde: 29/10/2008
Localidade: guimarães
Mensagens: 7254
 Re: nota/ para os que leram
agradeço a leitura atenta.
li com muito interesse também todos os comentários feitos.grata por eles.

continuação de boas leituras/escritas.

alex

Enviado por Tópico
Sterea
Publicado: 19/02/2010 16:10  Atualizado: 19/02/2010 16:10
Colaborador
Usuário desde: 20/05/2008
Localidade: Porto
Mensagens: 3397
 Re: nota
Às vezes a cegueira é uma boa desculpa. gostei do momento contado.

Beijos!

Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 19/02/2010 16:32  Atualizado: 19/02/2010 16:32
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: nota
Alexis.

Um encontro tornado desencontro,como tantos que vamos fazendo na vida.

Diferentes mundos.difrentes formas de estar,fazem-nos seguir outros caminhos mesmo que seja tacteando,deixando a luz de um qualquer olhar perder-se por outros atalhos..

Gostei muito.

aproveito para te dizer e fugindo ao tema que tenho gostado muito do que tens escrito por aqui.ideia claras , plavras simples e perceptiveis a todos.

Obrigada por ter o previlegio de te ler.

é mesmo sincero.

eijo