https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Borracho Punk ( Praia do Seixas)

 
 
Imagine uma poesia escrita por um bêbado...

Entre nas suas palavras. Imagine seus versos ébrios...

Entre nos seus delírios. Imagine um bêbado d´cabelo Azul; Olhando o mar...

Ele se diverte e se emociona com a vida em sua volta.

Continua a beber... volta a escrever, estar em transe...

O papel esta molhado, pingos coloridos escorem dos seus cabelos.

A paisagem é deslumbrante, o Céu, o Mar, a Brisa, as formas das Nuvens... Ele esta alheio a tudo isso agora que voltou a escrever . Escrevei e bebi... bebi e escrevi. Ele tem a aparência rude! Um rosto sofrido, tatooagens opacas. Muito,muito magro. Sua garrafa secou... Ele se levanta, junta seus papeis sem muita coordenação e se vai...



"Céu não há inferno não existe o castigo do vicio é o próprio vicio e o premio da virtude é a própria virtude...

DECIFRA ME & ME DEVORA!

http://imprensalternativa.blogspot.com/

 
Autor
zKdiniz
Autor
 
Texto
Data
Leituras
759
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.