https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Sociais : 

MENINO DE RUA

 

***

Ei-la aqui vagando pelas ruas,
Tão moribundo sem pão sem guarida,
Sem lenitivo nas horas dormidas
Prostrado a um banco feito um vagabundo
...
O desengano ladeia seus dias,
E auroras frias vive na lembrança;
No rosto ríspido de uma crianças
Ver-se esvair vestígios de alegria...
...
No seu proscénio somente agruras,
E a tortura das mão do poder,
E o rebelar por conta de um sofrer,
Torna-o inconstante aos olhos de muitos...
...
E assim vagando em noites vazias,
Tendo por guia a desolação,
Segue buscando um pedaço de chão
Em turvas nuvens da desilusão.


***


Esta página visa mostrar um pouco dos meus singelos escritos nos caminhos da letras.

 
Autor
vantuilog
Autor
 
Texto
Data
Leituras
614
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 07/02/2011 18:34  Atualizado: 07/02/2011 18:34
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29490
 Re: MENINO DE RUA
UM MARAVILHOSO POEMA, MOSTRA O DESCASO DO PODER PÚBLICO PARA COM ISSO, MEUS PARABÉNS. DEIXO MEU ABNRAÇO.

MARTISNS

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 01/10/2013 13:32  Atualizado: 01/10/2013 13:32
 Re: MENINO DE RUA
Muito bom. Parabéns.