https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

carícias

 
Lábios doces...carícias subtis, de certo modo infantis! Vibrações infinitas percorrem todo o meu ser: falam de prazer...falam baixinho,ao ouvido,mas bem definido ou pelo menos eu julgo assim ser...
Terá sido um querubim?terá sido tudo um sonho?Uma contemplação? ter me à falado aquando dormia?Pelo menos..não parecia,chegou me ao coração...Entrou, de mansinho, sem se anunciar e cantou me uma canção e com todo o desvelo, deixou o quarto devagarinho e eu fiquei a vê-lo,ali, experimentando uma grande emoção...

Teresa Duarte- 08/05/2011

 
Autor
tereska
Autor
 
Texto
Data
Leituras
370
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.