https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Intervenção : 

Vento, Água e Pedra (Octávio Paz)

 
Open in new window

A água perfura a pedra,
o vento dispersa a água,
a pedra detém ao vento.
Água, vento, pedra.

O vento esculpe a pedra,
a pedra é taça da água,
a água escapa e é vento.
Pedra, vento, água.

O vento em seus giros canta,
a água ao andar murmura,
a pedra imóvel se cala.
Vento, água, pedra.

Um é outro e é nenhum:
entre seus nomes vazios
passam e se desvanecem.
Água, pedra, vento.


Octávio Paz, poeta mexicano, poema traduzido por Antônio Moura.

Girl And The Ocean Sailing Ship Painting by Irina Sztukowski
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1001
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 11/07/2018 20:07  Atualizado: 11/07/2018 20:07
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15563
 Re: Vento, Água e Pedra (Octávio Paz)
Muito bom!


Enviado por Tópico
Branca
Publicado: 12/07/2018 17:31  Atualizado: 12/07/2018 17:31
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 2938
 Re: Vento, Água e Pedra (Octávio Paz)
Muito bom, água, pedra e vento, coisas comuns que geraram um poema lindo.

Parabéns.
Branca.