https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

O Nascedor - poema para o Che (Eduardo Galeano)

 
Open in new window


Por que será que o Che
tem esse perigoso costume
de seguir sempre
renascendo?

Quanto mais o insultam,
o manipulam
o tradicionam, mais renasce.
Ele é o mais renascedor de todos!

Não será porque o Che
dizia o que pensava,
e fazia o que dizia?

Não será por isso, que segue
sendo tão extraordinário,
num mundo em que
as palavras e os fatos
raramente se encontram?

E quando se encontram,
raramente se saúdam,
porque não se
reconhecem?


Eduardo Galeano, escritor uruguaio.
 
Autor
AjAraujo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
2582
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 09/04/2012 12:40  Atualizado: 09/04/2012 12:40
 Re: O Nascedor - poema para o Che (Eduardo Galeano)
Maravilhoso!

Adoro Galeano e os textos que falam seus sentires e seus julgamentos perfeitos. Obrigada Poeta.

Um abraço