https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

A filha do fogo

 
Olhar intenso, porém sutil
Perdido no imenso céu cor de anil
Se esquivando do comando sem nenhuma reverencia
De tudo o que sentiu o que restou foi essa ausência

Ausência de vingança que expandiu toda essa mágoa
O que se faz quando a esperança escorrega como água?
Sublime insanidade; Não há razão, não há saída
Vivendo uma verdade que revira a sua vida

Revira o rio da mente que fica a transbordar
Presa em suas margens, refúgio num mar morto
Não há lugar pra santidade
Dá pra ver no seu olhar
Sombria claridade
A filha do fogo

Lágrima fria como um grão de neve
Interior quente, sangue que ferve
Faz o mundo acabar, virar cinza em um só sopro
Faz as feras despertarem
A filha do fogo


 
Autor
Venore
Autor
 
Texto
Data
Leituras
658
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
0
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.